Filosofia 5S's: a disciplina oriental

Desperdício de material, perda de tempo e retrabalhos nos serviços são sempre uma preocupação constante para as empresas, independentemente do porte e do setor. Mas, como organizar melhor uma empresa? Com o Programa 5S's isso é posível.

Desperdício de material, perda de tempo e retrabalhos nos serviços são sempre uma preocupação constante para as empresas, independentemente do porte e do setor. E na maioria das vezes é ocasionada por falta de organização. Mas, como organizar melhor uma empresa, e consequentemente acabar (ou ao menos reduzir) com o desperdício e outros tantos problemas de má gestão? Com a Filosofia ou Programa 5S's isso é possível. E não se trata de uma propaganda enganosa. Mas... e o que vem a ser a filosofia 5S's?


O 5S's é uma metodologia de trabalho que permite criar um ambiente agradável com relação à estética, com o objetivo de promover maior produtividade, organização, motivação dos funcionários e, consequentemente, maior competitividade organizacional, e geralmente faz parte do Sistema de Qualidade Total das empresas. Essa ferramenta de trabalho engloba também o indivíduo, influenciando o seu comportamento, para através disso, promover a melhoria no ambiente de trabalho e (por que não dizer?) da vida dos funcionários.


O motivo deste nome – 5S's – é porque reúne as letras iniciais dos nomes das cinco premissas fundamentais dessa filosofia organizacional: Seiri (utilização), Seiton (organização/arrumação), Seiso (zelo/limpeza), Seiketsu (higiene/saúde) e Shitsuke (disciplina). Essas palavras tem origem na língua japonesa, no contexto da década de 50, depois da Segunda Guerra Mundial, quando o Japão tentava se recuperar da derrota sofrida na Guerra e suas indústrias necessitavam colocar no mercado produtos com preço e qualidade capazes de competir com a Europa e os Estados Unidos. Além disso, nessa época era comum ter muita sujeira nas fábricas japonesas, sendo necessária uma "limpeza" para melhorar o ambiente de trabalho, para consequentemente ter a produtividade e competitividade almejada.


Os conceitos essenciais do 5s's, segundo diversos autores, são:

  • Seiri (senso de utilização): separar o que é útil no dia-a-dia do que é inútil;
  • Seiton (senso de organização/arrumação): ordenar e identificar as coisas, facilitando encontrá-las quando desejado, envolvendo também manter mais próximo os objetos mais utilizados. Resumindo: manter cada coisa no seu lugar;
  • Seiso (senso de zelo/limpeza): criar e manter um ambiente físico agradável. Segundo esta filosofia manter a limpeza significa não sujar, bem como eliminar as causas da sujeira;
  • Seiketsu (senso de higiene/saúde): cuidar da saúde física, mental e emocional de forma preventiva, através de um ambiente favorável que promova a higiene. Envolve também o indivíduo, cuja aparência deve ser impecável;
  • Shitsuke (senso de disciplina): manter os resultados obtidos através da repetição e da prática, para através disso criar uma rotina e transformar isso num modo de vida. Este último passo é fundamental para a manutenção do programa.

A implantação deste projeto começa com uma reunião, em toda a empresa é sensibilizada para o novo projeto. Depois disso é formado um comitê 5S's, geralmente composto por 3 três a 6 pessoas que, voluntariamente, cuidam da implantação e avaliação do Programa. Para o lançamento do projeto, é realizado o chamado Dia da Bermuda ou Dia D, onde os funcionários participam de uma atividade coletiva de limpeza da empresa, descartando tudo que não se usa mais, bem como organizar seu ambiente de trabalho. É importante que cada funcionário cuide de seu posto de trabalho, limpando, descartando o que não serve mais, organizando e mantendo-o sempre limpo e agradável.


Como todo projeto, ele precisa ser avaliado. Então, é importante que se tire fotografias do antes e depois da implantação do Programa para ver a evolução do projeto. Além disso, é fundamental que se faça periodicamente auditorias para avaliar o nível de adesão dos funcionários ao Programa 5S's e também descobrir os pontos que precisam ser melhorados e os precisam que ser mantidos.


Como se pode ver, a empresa que implanta o 5S's tem os principais benefícios, dentre outros:

  • Maior produtividade devido à redução de perda de tempo procurando objetos, já que só fica no ambiente objetos que serão usados e que estão ao alcance da mão;
  • Redução ou mesmo a eliminação de desperdícios de materiais;
    Melhoria do ambiente de trabalho, promovendo a satisfação das pessoas no trabalho e da qualidade de vida dos funcionários;
  • Cultivo de bons hábitos;
  • Disciplina moral e ética;
  • Melhoria da qualidade dos produtos e serviços.

Mas de nada adianta todo o esforço para realizar o projeto que não há o comprometimento de todos na empresa no que se refere à disciplina, ou melhor, à autodisciplina. Este último passo do programa é decisivo na continuidade da Filosofia 5S's. A implantação do Programa depende não só do comitê do 5S's como também de toda a organização estar envolvida para abraçar o projeto. O maior desafio desta metodologia de trabalho é fazer todos os funcionários entenderem que eles são também importantes para o sucesso ou fracasso do 5S's, já que essa filosofia envolve mais que toda a organização, mas também o modo de vida de cada funcionário. Assim, é importante que cada funcionário faça a sua parte para manter a disciplina do 5S's, para que a empresa atinja o nível de excelência desejado.

Mirela Sousa é Bacharel em Administração com habilitação em Comércio Exterior da Faculdade Integrada do Ceará - FIC.
mirelasousa@bol.com.br

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.