Como funciona um coworking? Entenda a dinâmica desse modelo
Como funciona um coworking? Entenda a dinâmica desse modelo

Como funciona um coworking? Entenda a dinâmica desse modelo

Nem todos têm um escritório privativo, afinal, custa caro e muitas vezes você nem passa tanto tempo assim aí. E como resolver esta questão?

O mercado exige profissionalismo por parte de qualquer empreendedor, até mesmo aqueles que estão apenas iniciando suas carreiras. Isso quer dizer que você precisa ter uma boa postura profissional, conhecimento, um cartão de visitas e... um escritório! Mas acontece que nem todos têm um escritório privativo, afinal, custa caro e muitas vezes você nem passa tanto tempo assim aí. E como resolver esta questão? Uma boa maneira é deixar para lá a solidão de um escritório sozinho para compartilhar ideias e experiências em um coworking.

Como funciona um coworking

Um coworking é um local de trabalho compartilhado, onde existem vários espaços que podem servir a seus propósitos profissionais. É como se você trabalhasse em uma empresa, mas cada pessoa que está lá trabalha para uma empresa diferente (ou para si mesmo). A lógica do coworking é compartilhar espaços e infraestruturas que não são utilizados todo o tempo se você tem uma empresa própria, como uma sala de reuniões, por exemplo. Uma sala de reuniões de uma empresa comum não é usada todo o tempo, aliás, passa muito tempo ociosa. Ou seja, dinheiro investido que não traz retorno. No coworking, essa sala de reuniões é alugada por horas, ou seja, maior aproveitamento do espaço e menos custo para quem utiliza, pois você só paga pelo tempo que usa. O mesmo acontece com impressoras, scanners, sala do café, serviços terceirizados, como motoboy, entre outros. Até as secretárias são compartilhadas para que você reduza custos e aumente a qualidade dos seus serviços.

Por que um coworking?

O coworking é ideal para quem quer um lugar tranquilo para trabalhar, com toda a infraestrutura de que necessita, pagando o preço justo. Mas as vantagens deste modelo de negócios vão bem mais além:

Flexibilidade

Você não precisa ir todos os dias para o seu escritório no coworking, pode ir duas, três vezes na semana. Enquanto você não estiver lá, outra pessoa pode usar o espaço, e assim todos ganham. Além disso, boa parte dos coworkings funcionam aos finais de semana também, então, se você é daquelas pessoas que não têm um horário fixo para trabalhar, é uma grande vantagem.

Custo reduzido

Como você paga somente pelo espaço e pelos recursos que realmente usa, o seu custo operacional mensal se torna bem mais baixo do se você alugasse um escritório próprio. A economia de recursos que você tem pode muito bem ser usada para reinvestir no seu empreendimento para gerar novas receitas.

Alternativa ao home office

Quem está começando a empreender e não tem como montar um escritório, muitas vezes, prefere o home office. Mas em casa sempre há distrações, o que pode comprometer seu rendimento. Neste sentido, o coworking se torna uma ótima alternativa, já que você paga pouco e tem um espaço mais adequado para trabalhar.

Networking

No mundo corporativo, esteja você sozinho ou acompanhado, formar boas parcerias é sempre uma boa coisa, mas nem sempre sabemos onde encontrar essas pessoas que podem agregar valor ao nosso trabalho. Como os espaços de coworking estão cheios de profissionais dos mais variados setores, é uma ótima oportunidade para conhecer gente e criar vínculos. É claro que as vantagens não param por aqui, mas você já pode ter uma ideia de como funciona um coworking e como ele pode influenciar na melhoria do seu trabalho. Para terminar nossa conversa, fica aqui um convite para um outro post que pode te interessar: Como o coworking me ajuda a empreender?

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento