QUEREMOS O METRÔ LINHA 4 - BASTA DE APATIA E COMODISMO

QUEREMOS O METRÔ LINHA 4 - BASTA DE APATIA E COMODISMO

O problema do caótico transito da Barra se resume, basicamente, na inexistência de um projeto de trânsito para nossa cidade. Aliás, projetos racionais e factíveis, que podem solucionar o problema, existem, a começar pelas LINHAS 4 e 6 do Metrô.

A dificuldade de relacionamento que sempre existiu entre PREFEITURA X GOVERNO ESTADUAL X GOVERNO FEDERAL foi um fator complicador nas parcerias e liberação de recursos. Convenhamos que a parceria daqueles de boas intenções, é de fundamental importância para consecução de projetos e objetivos, sejam quais forem, que atendam as necessidade da população.

A duplicação da auto-estrada Lagoa Barra e o redimensionamento das linhas de ônibus com a utilização das vans; não concorrendo com as empresas de ônibus; mas utilizadas de forma racional, como linhas-circulares alimentadoras das linhas principais, das estações ferroviárias e metroviárias, são de fundamental importância.

Hoje, a Av. das Américas tem um trânsito de aproximadamente 130 Mil veículos dia. Todos que se dirigem à zona sul e centro da cidade, provocam um gargalo na Gávea e Leblon que só não é mais caótico porque os grandes condomínios da Barra e Recreio utilizam transporte Comunitário.

A falta de linhas de ônibus-circulares entre Barra-Recreio-Jacarepaguá, shoppings, Hiper-mercados e colégios da região, obrigam os moradores a fazer uso de seus veículos frequentemente.

Nos início da manhã e à tarde-noite, a Av. das Américas; da Barra ao Recreio e Av.Ayrton Senna; da Cidade de Deus ao Cebolão, apresentam irritantes e contínuas retenções. As vans e ônibus; legais e piratas; que param em fila dupla nas principais paradas de ônibus (Downtown, Bom Marché e Barrashopping, principalmente) transgridem as Leis do trânsito rotineira e impunemente, com a complacência da Guarda Municipal e da PM.

Já propusemos, há alguns anos, nessas nossas cobranças às autoridades e políticos, o desenvolvimento de um projeto de VLT (veículo leve sobre trilhos) circular entre a Barra - Recreio e Jacarepaguá, saindo do Cebolão, Península, Ayrton Senna, Abelardo Bueno, Rio Centro, Salvador Allende, e Recreio, com projeções futuras para a Zona Oeste (Campo Grande - Santa Cruz). Ninguém, nem autoridades, nem políticos e, lamentavelmente, nenhuma instituição representativa de nossa região se pronunciou ou abrigou nossa sugestão.

Para piorar a situação, nosso prefeito - que cansou de ser prefeito - constrói a "faraônica" Cidade da Música no local onde deveria ser a estação de interligação das Linhas 4 e 6 do metrô, inclusive com projeções futuras para ligação com a Zona Oeste e a estação do VLT circular que propusemos.

Sugerimos, também, desde 2001, sob o título TRANSITO PROJETOS FUTUROS, a construção de nova rodoviária na Ilha do Fundão ( confluência das Linhas Amarela, Vermelha e Av.Brasil onde seria o terminal das linhas interestaduais e intermunicipais. Diga-se de passagem que quase 70% dos usuários da rodoviária Novo Rio são oriundos da Zona Norte e Baixada Fluminense.

Em conseqüência, seriam transferidas para a rodoviária Novo Rio as linhas intermunicipais da Baixada, redimensionando os terminais da Praça Mauá, e Central. No centro da cidade poderíamos eliminar 50% dos ônibus que lá trafegam. As Presidente Vargas e Rio Branco seriam alimentadas por linhas de micro-ônibus circulares com tarifas integradas às rodoviárias e estações do metrô

Segundo dados estatísticos o Rio possui mais de 2 MILHÕES de veículos. Conforme projeções existentes, daqui a cinco anos, precisamente em 2013, teremos mais 4,5 milhões rodando em nossa cidade.Aí, o caos será total.

Para que em muito breve não seja implantado o rodízio de placas, a população de nossa cidade, especificamente de nossa região, precisa se mobilizar e exigir a adoção de soluções urgentes, a começar pelas linhas 4 e 6 do metrô.

Essa "apatia" e "marasmo" de nossos moradores é flagrante. Precisamos obrigar, os prefeitáveis a assumir - publicamente - compromisso de colaborar na parceria para a construção do METRÔ que é a única e lógica solução para o transporte de massa . O resto é falácia ! ! !

A linha 4 já está licitada desde 1998 e só falta vontade política para ser iniciada. O Governador Sérgio Cabral já declarou que vai fazer a linha 4, Esperamos que com recursos do PAC, urgentemente se tome uma decisão.

O custo total - HOJE - da LINHA 4 é de 2.250 MIL . O consórcio RIO-BARRA, vencedor da licitação assume R$ 1.250 ficando para o Estado apenas R$ 1 BILHÃO, praticamente o que nosso "alcaide" vai gastar com a totalidade das obras da Cidade da Música.

O Sr. Presidente do Consórcio RIO BARRA, Dr. Júlio Teixeira, já declarou da possibilidade das obras serem executadas num prazo inferior a 5 anos . Só falta o start do Governo do Estado.

Paulo Bittencourt
Ouvidoria da Barra

"Pior do que querer fazer e não poder
é poder fazer e não querer
"

OBS: PARA PROVÁVEL REDUÇÃO DE CUSTOS, CONSIDERANDO A PROXIMIDADE DA "ESTAÇÃO LARANJEIRAS" COM O LARGO DO MACHADO, PROPOMOS ESSA EXCLUSÃO. "MICRO-ÔNIBUS CIRCULARES" PODERIAM SUPRIR OS USUÁRIOS

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    Paulo Rodrigues

    Paulo Rodrigues



    CURRÍCULUM VITAE

    Nome : PAULO BITTENCOURT RODRIGUES
    Naturalidade : Rio de Janeiro
    Nacionalidade : Brasileira
    Filiação: Alcebíades Rodrigues Veneno e Neuza Bittencourt Rodrigues
    Escolaridade : Superior em Administração de Empresas

    PRINCIPAIS ATIVIDADES : ( RESUMO )

    PALÁCIO GUANABARA - GABINETE DO GOVERNADOR

    Relações Públicas do Cerimonial do Gabinete do Governador (Gestão Carlos Lacerda)
    Relações Públicas da Assessoria de Imprensa
    Comprador da Casa Civil - Gabinete do Governador (Gestão Francisco Negrão de Lima)

    BANCO NACIONAL DA HABITAÇÃO

    Auxiliar Administrativo, admitido por concurso público, em 1967
    Assistente Técnico nível superior
    Membro de 3(três) Comissões de Inventário de Material
    Membro de 55(cinqüenta e cinco) Comissões de Julgamento de Licitações de Material e Serviços
    Chefe da Seção de Compras
    Chefe do Serviço de Material
    Chefe do Serviço de Compras
    Assessor do Departamento de Administração
    Chefe da Divisão de Material
    Membro Permanente do Grupo de Editoração da Presidência
    Assessor da Presidência

    DELFIN-RIO CRÉDITO IMOBILIÁRIO

    Assistente do Interventor designado pelo BNH, através do Banco Central do Brasil
    Assistente do Liquidante
    Gerente Administrativo
    Presidente da Comissão de Vistoria do Edifício-Sede
    Chefe do Departamento de Administração
    Procurador do Liquidante
    Administrador Geral dos Recursos e Serviços de Apoio

    CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

    Assistente Técnico do quadro permanente
    Membro efetivo da Comissão Permanente de Licitações Gerência Geral da filial Rio de Janeiro- CPL/RJ

    CURSOS E ESPECIALIZAÇÕES :

    Curso de Oficial de Administração
    Fundação Escola de Serviço Público do Estado do Rio de Janeiro
    Curso de Sociologia Aplicada à Administração
    Fundação Escola de Serviço Público do Estado do Rio de Janeiro
    Curso de Análise de Materiais
    Laboratório de Análises do Departamento Federal de Compras Ministério da Fazenda
    Curso de Administração de Material
    Centro de Socialização - Faculdade Nacional de Direito - RJ
    Curso de Psicologia Aplicada à Administração
    Centro de Socialização - Faculdade Nacional de Direito - RJ
    Curso de Administração de Pessoal
    Centro de Socialização - Faculdade Nacional de Direito - RJ
    Curso de Organização e Métodos
    Centro de Socialização - Faculdade Nacional de Direito - RJ
    Curso de Pesquisa Operacional
    Centro de Socialização - Faculdade Nacional de Direito - RJ
    Curso de Análise de Processamento
    Centro de Socialização - Faculdade Nacional de Direito - RJ
    Curso de Programação Basic
    Centro de Processamento de Dados e Informática- CENPD

    DIVERSOS :

    Procurador da ANTIGUA Comércio, Participações e Empreendimentos Ltda.
    Procurador da EMADER - Empresa Auxiliar de Engenharia Ltda.
    Procurador da SETÚBAL S/A Construção Comércio e Indústria
    Procurador da MOPAL Engenharia Ltda.
    Fiscal de diversos concursos do Banco Nacional da Habitação
    Coordenador do Concurso para Datilógrafo na Agência do BNH em São Paulo
    Diretor - Presidente do Dobermann Clube do Estado do Rio de Janeiro - DCERJ
    Diretor de Administração da TELI Administração de Recursos Humanos Ltda.
    Conselheiro da ABM -Associação Bosque Marapendi (Associação Comunitária com aproximadamente 25 mil moradores) Barra da Tijuca
    Conselheiro do BARRALERTA
    Diretor de Relações Externas da ABM -Associação Bosque Marapendi
    Governo do Estado – Superintendência das Administrações Estaduais da Barra Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Jacarepaguá Assessor do Superintendente
    Governo do Estado – Fundação LEÃO XIII - Diretor de Promoção Social do Interior mas atuando, efetivamente, como Diretor de Promoção Social da Região Metropolitana

    OCUPAÇÃO ATUAL
    Administrador e Moderador da OUVIDORIA DA BARRA, da qual foi o fundador
    Administrador e Moderador da OUVIDORIA DE BÚZIOS, criada em mar/2007
    Colunista do Jornal Cidade da Barra
    Membro do Conselho de Ética da Câmara Comunitária do Recreio dos Bandeirantes
    Diretor da ACIBARRA-Associação COmercial e Industrial da Barra da Tijuca
    café com admMinimizar