voltar para Produção Acadêmica

RECURSOS COMPETITIVOS BASEADOS NA REPUTAÇÃO: ANÁLISE DE EMPRESAS BRASILEIRAS

Uma das perspectivas dominantes dos estudos contemporâneos da estratégia empresarial tem sido da Resource-Based View of the Firm RBV. Dentre os recursos competitivos sugeridos na literatura, a reputação tem um destaque especial por sua natureza de intangibilidade. Sugere-se que recursos competitivos são a base da vantagem competitiva sustentável o que resultaris em desempenho superior. Com objetivo de analisar a realidade de empresas brasileiras , o presente trabalho explora a reputação em relação às suas dimensões internas e perante seus grupos de interesse. Os resultados, de uma amostra de 138 casos, permitem identificar que, de uma maneira geral, as empresas: têm uma autoavaliação elevada (acima de 7, porém inferior a 9); reconheçem-se como tendo, em média, reputação superior perante os grupos de interesse do que as dimensões internas; apresentam associações significativas entre as diversas dimensões da reputação; mas não estão associadas ao desempenho financeiro.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.

    Walter Moraes

    Graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Pernambuco (1972), mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (1975) e doutorado em Management Sciences - University Of Manchester Institute Of Science And Techonology (1988). Atuou como Direitor Científico da ANPAD - Associação Nacional de Pós Graduação e Pesquisa em Administração (2005-2008) e Diretor Acadêmico da Faculdade Boa Viagem (2006-2009). Atualmente é Professor Titular do Curso de Administração da Univesidade Federal de PernambucoTem experiência na área de Administração, com ênfase em Administração Estratégica, atuando principalmente nos seguintes temas: estratégia empresarial, estratégia de internacionalização, competição, recursos competitivos e desempenho empresarial.

    Exibir