voltar para Produção Acadêmica

O EMPREENDEDORISMO COMO ESTRATÉGIA PARA O DESENVOLVIMENTO LOCAL: UM PROJETO PARA REGIÃO DO ITAIM PAULISTA

No Brasil a concentração de renda é injusta, separando não somente o país entre ricos e pobres, mas também entre aqueles que tem ou não oportunidades tanto no emprego formal, quanto no acesso aos sistemas econômicos produtivos. É preciso ir além da espera pelo emprego e além da formação profissional, embora isto também é importante, mas é preciso fomentar atividades econômicas para ampliar o impacto na geração de trabalho e renda. Em um contexto de índices crescentes de desemprego, desigualdades sociais, o empreendedorismo desponta como alternativa para muitos brasileiros, se constituindo uma importante prática para o desenvolvimento local, a exemplo do que tem ocorrido em muitos países desenvolvidos. A região do Itaim Paulista é cenário de um projeto pioneiro de apoio aos pequenos empreendedores como forma de dinamizar a economia local. Esta região com 420 mil habitantes é marcada pela exclusão ao longo do processo de urbanização da cidade, que ocasionou numa população de baixa renda e escolaridade e, conseqüentemente, dificuldades de inserção no mercado de trabalho. Mas todas essas dificuldades mostram o potencial do empreendedor da região que busca com criatividade alternativas para desenvolvimento dos seus negócios, seja na formalidade ou na economia informal. Considerando a relevância dos pequenos empreendimentos e, além disso, o fortalecimento do capital social, com a participação efetiva de múltiplos atores como fator de sucesso, este trabalho se propõe a estimular a reflexão sobre a sustentabilidade de iniciativas de fomento ao empreendedorismo como estratégia para o desenvolvimento de regiões subdesenvolvidas.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.

    Wilson Costa

    Graduado em Administração de Empresas, MBA em Gestão Estratégica pela USP e pós-graduando em Gestão de Políticas Públicas. Atua na gestão de projetos de fomento a economia solidária.

    Exibir