voltar para Produção Acadêmica

Empreendedorismo: Fator Vital na Sobrevivência das Pequenas Empresas.

Tudo leva a crer que o desenvolvimento econômico seja função do grau de empreendedorismo de uma comunidade. As condições ambientais favoráveis ao desenvolvimento precisam de empreendedores que as aproveitem e que, através de sua liderança, capacidade e de seu perfil, disparem e coordenem o processo de desenvolvimento, cujas raízes estão, sobretudo, em valores culturais. O empreendedor cria e aloca valores para indivíduos e para a sociedade, ou seja, é fator de inovação tecnológica e crescimento econômico. Por que introduzir a cultura empreendedora em nossas escolas, quais os motivos estão por trás da necessidade de motivar os nossos jovens a abrir o próprio negócio ou ter atitudes empreendedoras na área que escolherem para atuar e, principalmente, quais elementos tornam essa necessidade urgente? O estímulo ao empreendedorismo, a evolução sustentada dos pequenos negócios, o monitoramento e as razões do fechamento prematuro dessas empresas são objetivos específicos deste trabalho. O Brasil, com imenso passivo social, é considerado um dos países com maior taxa de mortalidade de empresas. Sobretudo, uma elevada taxa de mortalidade de empresas é um indício de que algo não está funcionado como deveria.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.

    ANDRE ALBERO

    Professor de Escolas Técnicas do Centro Paua Souza do Governo do Estado de São Paulo (ETECS). Conhecimento em Tecnologia da Informação, Informática, Web Designers, Matemática Financeira, Contabilidade, Administração e Marketing de Relacionamento, Gestão Financeira, Administrativa e de Pessoal; treinamentos e palestras para colaboradores e parceiros.

    Exibir