voltar para Produção Acadêmica

Avaliação das competências da gerência média de uma organização bancária que atua na região metropolitana de Belém (Pará)

No novo contexto organizacional, as transformações refletem-se em novas tecnologias e novos modelos de gestão através dos quais as empresas buscam obter maior competitividade e melhores resultados, decorrentes, sobretudo, da capacidade da organização em elevar continuamente o grau de competência de seu corpo social, especialmente o gerencial. O presente estudo buscou avaliar as competências de gerência média em uma organização bancária atuante na região metropolitana de Belém, Estado do Pará. É um estudo de levantamento (Survey), com caráter descrito, nível de análise grupal e unidade de análise individual. Os dados foram coletados através de um questionário com uma escala do tipo Likert; para a geração dos resultados, os dados intervalares foram submetidos a redução de dimensionalidade, o que permitiu o seu enquadramento em competência positiva ou negativa. Os resultados apontaram 14 competências consensuais catalogadas como Excelente; 2 como Excelentes, mas sem consenso; 6 como Boa consensual; 6 como Boa sem consenso; 4 como Ruim consensual; e 1 como Péssimo consensual. A conclusão é que organização é competente para gerenciar produtos e serviços bancários, mas deficiente na gestão de pessoas e relacionamentos humanos.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.

    Daniel Nascimento-e-Silva

    Sou professor e pesquisador de Administração, vinculado ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas. Atuo desde o ensino médio ao mestrado. Sou professor efetivo do Curso de Mestrado em Educação Profissional e Tecnológico do IFAM, Campus Manaus Centro, e colaboro com diversos programas de mestrado e doutorado em várias áreas do conhecimento.

    Exibir