voltar para Produção Acadêmica

A IMPORTÂNCIA DA MODELAGEM DE GOVERNANÇA PARA O DESENVOLVIMENTO DA REDE ONCORIO.

Este artigo tem como objetivo analisar a governança da Rede ONCORIO coordenada pelo Instituto Nacional do Câncer – INCA e integrante da Rede Câncer, que conta com a participação do Governo Federal, das Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde, de universidades, de serviços de saúde e centros de pesquisa, assim como de organizações não-governamentais e da sociedade civil. A integração desses diferentes parceiros promove o compartilhamento de conhecimento e recursos, com o objetivo de reduzir a incidência e a mortalidade por câncer na população e garantir a qualidade de vida aos pacientes e familiares. A metodologia foi centrada em um estudo de caso, que focou a relação entre os aspectos teóricos e a consolidação da rede. Foram abordados: o processo de institucionalização da Rede, à questão da contratualização, a legitimação pela força adquirida por atores isoladamente fracos, bem como as relações dialógicas entre os membros da rede.

CARVALHO, F.M., ALMEIDA, L. N. de, VILLELA, L. E. A Importância da Modelagem de Governança para o Desenvolvimento da Rede ONCORIO. In: Colóquio Internacional sobre Poder Local (11.: 2009: Salvador,BA) Caderno de Resumos [do] XI Colóquio Internacional sobre Poder Local: desenvolvimento e gestão social de territórios, Salvador, BA, 14 a 16 de dezembro de 2009. – Salvador: CIAGS/UFBA, 2009. Anais... Disponível em: http://www.gestaosocial.org.br/sistema/imagens/caderno_resumo_Final.pdf. Acesso em 10.11.2010.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.

    Fatima Carvalho

    ADMINISTRADORA, PESQUISADORA, DOCENTE, ESCRITORA. Possui graduação em ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS pelo Instituto Metodista Bennett (1987). Pós-Graduação Lato Sensu em ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (1988), em DOCENCIA DO ENSINO SUPERIOR (2007), GESTÃO PÚBLICA (2009) pelo Instituto A Vez do Mestre da Universidade Cândido Mendes e GESTÃO SOCIAL do Mestrado Profissional em Bens Culturais e Projetos Sociais do Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil do Programa de Pós-Graduação em História, Política e Bens Culturais da Fundação Getúlio Vargas (2010). Atualmente (2009/2011) é discente representante do MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO E DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL da Universidade Estácio de Sá. É Analista em Ciência e Tecnologia Sênior do MINISTÉRIO DA SAÚDE - INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER (Desde 1982). Tutora de EAD do Curso de Pós Graduação Lato Sensu de Gestão Pública do Instituto A Vez do Mestre/Universidade Cândido Mendes (2010) e Conteudista do Curso de Pós Graduaçao Lato Sensu em Gestão de Saúde do Instituto A Vez do Mestre/Universidade Cândido Mendes a ser lançado em 2011. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Gestão Pública e de Saúde, atuando principalmente nos seguintes temas: administração, gestão de projetos, mudanças políticas, civis e sociais, responsabilidade social e educação.

    Exibir