Café com ADM
#

Roteiro de oportunidades no Rio começa em maio

Serão 12 grandes eventos envolvendo micro e pequenas empresas com as grandes, entre encontros e feiras, com movimento estimado de R$ 50 milhões

Rio de Janeiro - Um calendário de boas oportunidades para micro e pequenas empresas (MPEs). O Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) no Rio de Janeiro já iniciou os preparativos para a temporada de grandes eventos de negócios, que começa em maio.

Ao todo, serão 12 eventos, entre encontros e feiras setoriais e multisetoriais, em 11 cidades-pólo - Rio de Janeiro, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Nova Friburgo, Petrópolis, Volta Redonda, Três Rios, Campos, Itaperuna, Angra dos Reis e Macaé.


Para este ano, a meta é ampliar o número de fornecedores e compradores presentes. A previsão é contar com 1.535 expositores e receber um público estimado em 290 mil pessoas - em 2003 foram 875 expositores e 240 mil visitantes, incluindo empresários e empreendedores em busca de novas oportunidades.

A expectativa é que, ao todo, os eventos gerem um volume superior a R$ 50 milhões em contratos de bens e serviços por meio das rodadas de negociação entre as micro e pequenas empresas e com as grandes empresas que levarão seus departamentos de compras, em busca de novos fornecedores.

No ano passado, foram 28 grandes empresas participando de nove eventos em oito cidades, com volume de negócios estimado em R$ 40 milhões. Foram elas: Bayer, BR Distribuidora, Grupo Forza, Grupo Hermes, Inmetro, Nitriflex, Petroflex, Polibrasil, Reduc, Schincariol, Ultragás, Riosul, Varig, Latasa, Paraibuna Embalagens, Unimed, Nuclep, Correios, Unigranrio, Infraero, Nestlé, TV Globo, Estaleiro Promar, Windsor Hotéis, Casas Sendas, Consulado dos Estados Unidos, GE Celma e ABC Barateiro.

Quem estiver interessado em assegurar seu lugar no roteiro de bons negócios deste ano não deve deixar para a última hora: a venda de estandes para interessados em participar como expositores já começou.

Além das tradicionais rodadas de negócios, principal atrativo dos eventos, as empresas podem expor seus produtos e serviços e participar de diversas atividades, como palestras e seminários que oferecem orientação para capacitação empresarial, acesso a crédito e apoio tecnológico, por meio das clínicas tecnológicas.

Enquanto os encontros de negócios são fechados a empresas que se cadastram previamente, as feiras setoriais e multisetoriais são abertas ao público.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.