IGP-10 acelera alta para 0,58% em janeiro

O IGP-10 calcula os preços entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência

A poucas horas de o Banco Central definir o novo nível do juro básico do país mais um índice de inflação mostrou aceleração. A Fundação Getúlio Vargas informou nesta quarta-feira que o Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) subiu 0,58 por cento em janeiro, após alta de 0,44 por cento em dezembro.


Entre os componentes do IGP-10, o Índice de Preços ao Produtor Amplo-10 (IPA-10), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60 por cento do índice geral, subiu 0,55 por cento, após alta de 0,38 por cento em dezembro.


Já o Índice de Preços ao Consumidor-10 (IPC-10), que responde por 30 por cento do índice geral, avançou 0,76 por cento em janeiro, frente à alta de 0,68 por cento no mês anterior.
O Índice Nacional de Custo da Construção-10 (INCC-10), por sua vez, subiu 0,36 por cento em janeiro, contra alta de 0,26 por cento no mesmo período do mês anterior.


A inflação no Brasil tem se mantido em níveis elevados, colocando mais pressão sobre o Banco Central. O mercado aguarda nesta quarta-feira a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC sobre a Selic, atualmente em 10 por cento ao ano.


Pesquisa Reuters mostra que a maioria dos analistas e economistas consultados esperava na semana passada alta de 0,25 ponto percentual na Selic, mas no mercado financeiro, a maioria das apostas era de avanço de 0,5 ponto.


O IGP-10 calcula os preços entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.