Formatação de negócios: um caminho para o sucesso

Um ponto importante para que a franquia dê certo é o franqueador dominar totalmente a operação do negócio, mas sabendo que, para sua replicação, há necessidade de ajustes, flexibilidade e parceria

07 dezembro 2018

De olho nos números vistosos registrados na última década, empresas de todos os portes e segmentos aderem, todos os dias, ao sistema de franquias. Essa transição, no entanto, não é uma tarefa simples. Esse é um mercado em que o conhecimento, a capacidade, o preparo e a experiência anterior valem ouro, tamanha é a complexidade envolvida no processo. O senso crítico, lógico e a capacidade de dar e receber instruções são vitais nessa evolução.

Lucas Atanazio Vetorasso, consultor, estrategista e CEO do Grupo ATNZO afirma que o procedimento inicial ideal é que o futuro franqueador se submeta a um estudo que análise e avalie o negócio por completo. “A análise de quanto conhece e domina sobre o conceito de negócio, o mix de produtos, o mercado, concorrência e público-alvo é essencial”.

De acordo com Lucas qualquer negócio pode se tornar uma franquia dependendo de alguns fatores. “A premissa básica é que o modelo de negócios seja replicável em diferentes ambientes e contextos e não tenha aspectos limitadores; também é necessário que a Franquia se encontre dentro da lei, havendo, não só a papelada jurídica, mas suporte, treinamentos e a documentação dos processos envolvidos no negócio, ou seja, os Manuais, Vídeos e Políticas Empresariais que garantam ao futuro franqueado a possibilidade de adotar os mesmos padrões da empresa original e obter sucesso”.

Outro ponto importante para que a franquia dê certo é o franqueador dominar totalmente a operação do negócio, mas sabendo que para sua replicação, há necessidade de ajustes, flexibilidade e parceria. É o que o estrategista Lucas chama de Franchising Inteligente. “Há alguns anos, franquias eram engessadas, cheias de vícios e processos cruzados, hoje, vemos as mudanças no dia a dia. A mudança nesse cenário já era necessária há algum tempo e vem ocorrendo em algumas redes, principalmente as com maior expertise no mercado de uma maneira geral”, comenta Lucas.

Toda empresa franqueadora precisa ter no seu organograma, uma área de inteligência de mercado com possibilidade de análises concorrenciais e também macroeconômicas. Somente de posse desse tipo de informação é que as franqueadoras poderão agir proativamente, e não apenas acompanhar as flutuações do mercado.

Outro aspecto é aquele que diz respeito ao conhecimento que o empreendedor tem de gestão de negócios. Segundo Lucas, a experiência da grande maioria dos possíveis franqueadores é basicamente comercial ou operacional e devem saber que não há vergonha alguma em se cercar de consultores ou estrategistas externos que possam apoiá-lo a desenvolver suas competências gerenciais neste crescimento. “A estruturação da empresa deve, de fato, ser feita racionalizando ‘Produto, Processo e Pessoa’. É importante saber que muitas vezes, o Franqueado estará empregando em seu negócio, o dinheiro da vida dele. Isso deve ser tratado com muito respeito. Por este motivo, não acredite em charlatões que entregam a ‘Formatação de uma Franquia’ baseada em documentações jurídicas e de forma, irresponsável, o oriente a iniciar as vendas.”.

Etapas

Segundo Atanazio, além da documentação jurídica, o processo de formatação da franquia deve passar pelo Fortalecimento de Marca, Padronização de processos, Criação ou Identificação de Diferenciais competitivos, homologação de fornecedores, viabilidade de logística, entre muitos outros itens de uma lista citada pelo estrategista que completa: ”Todas essas etapas são transformadas em documentações e manuais, para que, realmente, o negócio seja replicável com solidez, não baseado apenas em seus processos internos, mas no mercado de uma maneira macro”.

O franchising permite que as marcas cresçam a uma velocidade bem maior do que se fosse apenas com capital e estrutura própria. “Desde que bem estruturado, é um sistema que garante que as duas partes possam ter sucesso sem que uma se sobreponha a outra”, encerra.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    café com admMinimizar