Dia da Internet Segura alerta jovens para cuidados no ambiente virtual
Dia da Internet Segura alerta jovens para cuidados no ambiente virtual

Dia da Internet Segura alerta jovens para cuidados no ambiente virtual

Pesquisa sobre hábitos de navegação com 2,8 mil participantes de todo o Brasil, divulgada em dezembro, mostrou que 65% dos pais não acompanham a rotina dos filhos na rede

Pelo sexto ano consecutivo, diversas instituições brasileiras públicas e privadas fazem uma programação para lembrar o Dia Mundial da Internet Segura, que ocorre nesta terça-feira (11). Com o tema "Construindo juntos uma internet melhor", a ação é feita em mais de 100 países e tem como objetivo mobilizar os jovens para criar um ambiente seguro na internet e alertar para os perigos de expor informações pessoais na rede. No Brasil, a data está sendo marcada pela apresentação de 45 palestras e atividades em escolas e organizações da sociedade civil. A expectativa é reunir mais de 6 mil pessoas nas ações presenciais.

O alvo do Dia Mundial da Internet Segura são jovens, blogueiros e pais. Na página do evento, há ainda jogos para testar o conhecimento dos adolescentes sobre segurança na internet. Hoje, as entidades envolvidas também estão promovendo debates virtuais, grafitagem e plantão tira-dúvidas online. O plantão tem uma equipe de especialistas que ficará online até as 20h. Por chat e e-mail, os plantonistas atendem às crianças, aos adolescentes, pais e professores com orientações sobre atitudes seguras na web. A ação também disponibiliza um guia para uso responsável da internet.

As ações alusivas à data são promovidas no Brasil pela SaferNet, organização não governamental (ONG) criada para combater crimes e violações dos direitos humanos na rede, com patrocínio da empresa GVT e apoio de instituições públicas e privadas como a Polícia Federal, o Ministério Público Federal, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), a Secretaria de Direitos Humanos (SDH) da Presidência da República do Brasil e a NET, além de colégios e ONGs.

Segundo o diretor de Atendimento e Prevenção da SaferNet, Rodrigo Nejm, o tema deste ano promove a cidadania na internet. "Mais do que nos proteger ou proteger alguém de crimes pela web, somos responsáveis pelo ambiente que frequentamos e pelo conteúdo que geramos no ambiente online”, disse. O objetivo é alertar o internauta para a importância de pensar bem antes de publicar conteúdos, nas piadas que curte ou compartilha e na forma como expõe suas informações pessoais.

Pesquisa sobre hábitos de navegação feita pela GVT e pela SaferNet com 2,8 mil participantes de todo o Brasil, divulgada em dezembro, mostrou que 65% dos pais não acompanham a rotina dos filhos na rede, 11% divulgam o telefone pessoal e 5%, o endereço de casa na internet.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.