Como uma gestão estratégica de recursos humanos pode impactar os resultados da sua empresa?
Como uma gestão estratégica de recursos humanos pode impactar os resultados da sua empresa?

Como uma gestão estratégica de recursos humanos pode impactar os resultados da sua empresa?

A política de recursos humanos (RH) é importante para orientar e engajar colaboradores para que estes atuem de forma alinhada aos reais objetivos da organização

O que antes era considerado banal tornou-se elemento essencial para traçar estratégias consistentes e alcançar metas em uma organização. A pesquisa sobre o Panorama de RH no Brasil 2018, elaborada pela plataforma Qulture.Rocks, realizada online com quase 2 mil profissionais de instituições de diversos setores, revela que 61% dos respondentes acreditam que o RH participa ativamente das decisões estratégicas dentro de uma empresa.

A política de recursos humanos (RH) é importante para orientar e engajar colaboradores para que estes atuem de forma alinhada aos reais objetivos da organização. Por isso, é altamente recomendável estabelecer condutas para a rotina organizacional dos funcionários auxiliando-os no cumprimento de seus objetivos e no aprimoramento de seu desenvolvimento profissional. É neste contexto que a política de RH pode gerar valor e proporcionar resultados importantes para os negócios. Por isso, gostaria de compartilhar as minhas impressões a respeito de uma gestão estratégica de recursos humanos.

Desafios

A área de RH apresenta vários desafios, entre eles o principal é entender a real necessidade da empresa e valorizar a necessidade do capital humano, que nada mais é do que um conjunto de atributos conquistados pelos funcionários por meio da educação e experiência. Deste modo, ações como incentivar o protagonismo dos colaboradores e praticar os valores e competências de uma organização podem ajudar a promover o autoconhecimento de cada membro da equipe.

Estimular entre os funcionários o sentimento “ownership”, para que assumam suas responsabilidades como se fossem os donos da empresa, agindo com proatividade, fidelidade, flexibilidade para alcançar os objetivos da organização. Para que isto ocorra, é necessário que os gestores de RH estejam presentes em parceria com os demais setores da empresa e que seus “heads”, participem de reuniões de planejamento e alinhamento, para que, assim, todos se apoiem. Esta proximidade auxilia os gestores nas tomadas de decisões e também na gestão estratégica de recursos humanos.

Políticas para gestão estratégica de recursos humanos

Para começar a planejar uma política de RH dentro de uma corporação primeiramente é necessário desenvolver um plano estratégico que possa servir como guia para a elaboração de ações da empresa, com enfoque em suas principais metas e objetivos. Em seguida, é primordial estabelecer procedimentos que sejam padrões de contratação e que definam os critérios que serão considerados no recrutamento e seleção de profissionais. Para isto, é importante implantar processos de Avaliação de Desempenho, focados em metas SMARTS - ferramenta que auxilia de maneira objetiva a estabelecer metas e competências.

Após a contratação, os colaboradores devem participar de atividades que gerem capacitação e desenvolvimento, para que eles fiquem alinhados às políticas da empresa. Além disso, é importante avaliar a atuação dos funcionários e sempre oferecer a eles feedbacks. Pesquisas como a de clima organizacional, podem auxiliar na hora de aumentar a motivação e o comprometimento dos funcionários. Este tipo de pesquisa pode funcionar como um guia com informações muito relevantes sobre a percepção dos colaboradores, como o grau de satisfação, para detectar quais são as falhas da empresa e tentar solucioná-las.

Engajar Funcionários

Todas as políticas e práticas que são implantadas nas empresas podem refletir diretamente no crescimento da organização. Manter os funcionários engajados é um dos principais aspectos para garantir bons resultados. Para isto, vale a pena investir em desenvolvimento humano organizacional, remuneração justa, benefícios, automatização de processos e confraternizações para impulsionar os resultados no trabalho e a motivação dos colaboradores.

Um dos grandes diferenciais que uma empresa pode ter é seu capital humano, uma equipe envolvida e que acredita no projeto. Ademais, é sempre bom ter em mente que a gestão estratégica de recursos humanos é responsável por apoiar todos com relação aos seus direitos e deveres e, sobretudo, evidenciar as principais expectativas da empresa.

Vanessa MontagnoliCoordenadora de RH da F. Iniciativas, consultoria especializada na gestão de incentivos fiscais e financiamento à Pesquisa & Desenvolvimento (P&D).

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.