Business Intelligence ganha força nas agências de publicidade

As informações do Big Data em uma solução de business intelligence contribuem em análises mais assertivas de cenários para determinadas campanhas, de forma a atingir o público desejado

20 janeiro 2014

A criatividade é o maior diferencial de uma agência de publicidade. Uma ideia inspiradora pode fazer com que um vídeo ou uma imagem despertem a emoção do público e se identifiquem com uma marca. Mas se engana quem pensa que a tecnologia não tem espaço neste mercado. Pelo contrário, os avanços tecnológicos se tornam cada dia mais relevantes neste setor. Com o tão falado Big Data, saber aproveitar as informações oferecidas a cada minuto em redes sociais, jornais e revistas e tantos outros meios, para impactar o público é apenas uma das vantagens que a tecnologia pode oferecer para este segmento.

As mudanças neste setor não são recentes. Com a popularização da internet surgiu um novo espaço publicitário. Na sequência, vieram as redes sociais. Cada nova mídia traz uma informação diferente sobre o consumidor. Além de saber do que uma pessoa gosta ou não e seus hábitos de consumo, com um pouquinho mais de tecnologia é possível avaliar qual o melhor horário para impactar determinado público, por exemplo. É possível utilizar a ideia criativa na hora e na mídia certa. Ou seja, existe uma infinidade de dados disponíveis na internet, que são informações importantíssimas para embasar campanhas mais assertivas. Porém, sem o business intelligence como estes dados se tornariam relevantes?

Uma pesquisa divulgada recentemente pela Bain & Company, empresa global de consultoria em negócios, aponta que as organizações que adotam o sistema de Big Data prematuramente e têm capacidade analítica mais avançada estão superando os concorrentes com grandes margens de mercado. O estudo afirma ainda que as corporações que realizam esse investimento têm duas vezes mais chances de estar entre os 25% de empresas com melhores resultados, além de tornarem-se capazes de tomar decisões até cinco vezes mais rápido do que os concorrentes. A pesquisa considera grandes empresas, mas é certo que quem sabe utilizar as informações a seu favor se destaca independente do porte ou segmento em que atua.

Nas agências de publicidade, as informações do Big Data em uma solução de business intelligence contribuem em análises mais assertivas de cenários para determinadas campanhas, de forma a atingir o público desejado. Também podem ser utilizadas para realizar uma avaliação comportamental dos clientes com mais propriedade, fazer testes hipotéticos, avaliar e garantir que as ações estão seguindo as métricas do negócio definidas pelo cliente e até com a mensuração do retorno adquirido. Além de auxiliar nas estratégias de campanhas, a análise e o cruzamento de dados gerenciais, ainda permitem que o gestor possa controlar a quantidade de horas vendidas ao cliente, analisar concorrentes e prospectar novos clientes.

O business intelligence contribui para uma visão geral dos negócios. Neste cenário, o que diferencia as corporações é a habilidade de explorar as informações, analisando-as e desenvolvendo percepções a seu respeito, incrementando e tornando mais pautada em informações a tomada de decisão. Ou seja, aumenta a praticidade e eficiência dos negócios e facilita a tomada de decisão, seja das agências de publicidade ou de negócios em outros segmentos.

Jorge Utimi é presidente da Inteligência de Negócios (IN) – empresa especializada em apoiar organizações na gestão e na tomada de decisão com o Business Intelligence.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    café com admMinimizar