Após 44 anos, obra de três quilômetros sai do papel em SC
Após 44 anos, obra de três quilômetros sai do papel em SC

Após 44 anos, obra de três quilômetros sai do papel em SC

O trecho está localizado no chamado Morro dos Cavalos, Santa Catarina. Congestionada e perigosa, a margem da BR-101 é palco de discussões desde a década de 1970

O pesadelo burocrático brasileiro possui um novo recorde: uma obra de três quilômetros que levou 44 anos para sair do papel. O trecho está localizado no chamado Morro dos Cavalos, Santa Catarina. Congestionada e perigosa, a margem da BR-101 é palco de discussões desde a década de 1970.

De acordo com o jornal Estado de São Paulo, operários começaram a remover a vegetação e abrir espaço para iniciar as obras de uma quarta faixa no trecho. Mesmo com o projeto tendo quase 40 anos, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) levou aproximadamente dois anos para conseguir todas as licenças necessárias para a construção.

A demora aconteceu com as negociações para emissão dos documentos pelo Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), que por sua vez dependia de uma autorização da Fundação Nacional do Índio (Funai). Com a complicação dessas negociações, a Casa Civil precisou intervir.

"Fazíamos isso nos casos em que começava a haver demora", comentou a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), que era a ministra na época em que a quarta faixa passou a ser discutida no Palácio do Planalto.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.