Aeronautas entram em greve cinco dias antes do Natal
Aeronautas entram em greve cinco dias antes do Natal

Aeronautas entram em greve cinco dias antes do Natal

A categoria decidiu deflagrar uma greve a partir do próximo dia 20, caso não haja acordo junto ao sindicato das empresas na próxima assembleia

O Sindicato dos Aeronautas (SNA) anunciou que a categoria entrará em greve a partir das 6h do dia 20 de dezembro de 2013, por tempo indeterminado. O grupo consiste em pilotos, copilotos e comissários de voo, além dos aeroviários (funcionários das empresas em terra).

“A categoria decidiu deflagrar uma greve ante o impasse criado pelas empresas aéreas representadas pelo Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA) com a manutenção da proposta de não concessão de qualquer aumento salarial que represente um ganho real para os aeronautas”, afirmou o Sindicato dos Aeronautas em comunicado.

Conforme a nota, na próxima quarta-feira (18) haverá uma nova assembleia junto ao SNEA. Se não houver acordo, a greve será mantida a partir da sexta-feira.

De acordo com o Sindicato dos Aeronautas, a greve deverá prejudicar os horários dos voos ou até mesmo provocar cancelamentos. A classe exige um aumento salarial de 8% e melhorias das condições de trabalho, como "distribuição das folgas já existentes, produtividade nas escalas de voo, plano de saúde e pagamento de tempo em solo à disposição das empresas”, afirma o presidente do SNA, Marcelo Ceriotti.

Veja o comunicado do Sindicato:

Prezados senhores,

Informamos a V.Sas. que a categoria dos aeronautas, em Assembleia realizada no dia 13 de dezembro de 2013, decidiu deflagrar uma greve ante o impasse criado pelas empresas aéreas representadas pelo sindicato da categoria econômica (SNEA) com a manutenção da proposta de não concessão de qualquer aumento salarial que represente um ganho real para a categoria, produtividade e outras vantagens postuladas pelos aeronautas na pauta de reivindicação e nas reuniões paritárias de negociação coletiva que foram realizadas até a presente data. Diante disso, avisamos que o início da greve ocorrerá a partir das 6h do dia 20 de dezembro de 2013, por prazo indeterminado.

Esclarecemos que, embora o SNA já tenha definido previamente as condições necessárias para o integral cumprimento do disposto no art.11, da Lei 7783/89, isto é, garantia de 20% do efetivo da categoria, essa entidade sindical colocou-se à disposição do SNEA para discutir as atividades previstas no referido dispositivo legal até às 17h do dia 18 de dezembro de 2013.

Serve ainda a presente como comunicação do início da paralisação nos termos do que dispõe o art. 13, da lei 7783/89 e para todos os seus efeitos legais.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento