Café com ADM
#

Vendedor já nasce pronto ou aprende?

"A arte de vender é a base de qualquer empresa as vendas movimentam a econômia do mundo."

Para inaugurar esta trilogia sobre a área comercial das empresas, abordaremos o perfil do vendedor. O Vendedor, com V maiúsculo, vem de uma linhagem genética ou pode ser treinado para encantar clientes e levá-los à compra?

Todos somos vendedores, vendendo o tempo todo.

Esta afirmação choca muita gente de diversas maneiras. Uma delas é que muitos acreditam que vendedor é uma categoria profissional inferior. Outros duvidam que todos nós, o tempo todo estamos vendendo algo.

Vender é influenciar, seja a mim mesmo ou aos outros. Mas vamos discutir as duas ideias acima e depois responder se vender é genético ou comportamental.

O mercado, como a natureza, faz a seleção natural. Os efeitos colaterais e adversos são danosos ao próprio coaching e aos profissionais realmente preparados e comprometidos.

A crença de que vendedor é uma classe profissional inferior é totalmente errada e bastam dois argumentos para confirmar o erro:

1) Todas as empresas fazem o que fazem para vender. Então, um dos profissionais comuns à todas as empresas é o vendedor. Não importa se ele venda agulhas de costura ou satélites espaciais;

2) Muitos profissionais de vendas ganham mais do que os presidentes de suas empresas, exatamente porque além dos salários fixos, normalmente baixos, o grosso do ganho de um vendedor é ele quem faz. Portanto, não há limites e se houver é o próprio vendedor quem os estabelecem;

3) Todos somos vendedores, vendendo o tempo todo. Pense em quando você se arruma para ir a uma festa ou à pizzaria com os amigos, quando você conta uma piada, quando apresenta uma ideia na reunião de sua equipe ou simplesmente sugere alguma mudança na área em que atua profissionalmente, quando dá uma sugestão para a decoração da sua casa ou mesmo quando você conversa com as pessoas de seu relacionamento e, mais digitalmente, em seu perfil nas redes sociais, o que você faz?

Vende!

A diferença é que o vendedor profissional faz isso de forma muito mais qualificada. Ele sabe descobrir as motivações, interesses, objeções e preocupações de seus clientes e, ao usar técnicas e conhecimentos adequados e exclusivos dos profissionais, ele vende. Vende ideias, conceitos, influencias, serviços e produtos.

Na paquera o que fazemos ao conquistar alguém? Vendemos uma imagem, uma inteligência e alguns aspectos de nosso comportamento que são capazes de influenciar a outra pessoa a estar conosco. Portanto, todos somos vendedores, vendendo o tempo todo.

Há, claro, como em todas as profissões, os vendedores amadores e os profissionais. Ninguém nasce com dons especiais para a venda. Pode ser que alguns já tenham algumas características que os tornem mais eficazes, como se fossem atletas com biótipo apropriados para competirem no mercado da venda profissional. No entanto, como você não precisa de um determinado tipo físico para vender, desenvolver as habilidades de um vendedor profissional é apenas uma questão de treino e de fazer as escolhas certas, utilizando os treinamentos certos, com a metodologia adequada.

Boas vendas!

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.