Café com ADM
#

Tornando-se uma pessoa mais criativa: 8 dicas para despertar a criatividade que existe em você

Dicas para despertar a criatividade em pessoas já criativas e para aquelas que se julgam sem criatividade.

O ser humano tem a capacidade e a necessidade de ser criativo. Mesmo sem perceber, utilizamos esta habilidade em atividades rotineiras do nosso dia a dia, como quando estudamos, trabalhamos e quando estamos em momentos de lazer.

Você gostaria de ser uma pessoa mais criativa? Neste artigo serão apresentadas 8 dicas úteis, tanto para pessoas que se consideram criativas como para aquelas que se julgam sem criatividade. Estas dicas irão lhe ajudar a despertar e a identificar a criatividade que existe em você.

O Que é Criatividade na Prática?


O conceito de criatividade está relacionado com a pessoa que cria algo. Além disto, a sua definição também está associada com aquele indivíduo que modifica ou inova alguma coisa ou procedimento.

Muitas pessoas mistificam a habilidade da criatividade como sendo algum dom herdado geneticamente, o qual não pode ser adquirido posteriormente.

Porém, ser criativo nada mais é do que se inspirar em coisas que já existem para criar outras novas. Seja adaptando ou incrementando-as.

“Se estivermos livres do fardo de ser completamente originais, poderemos parar de tentar construir algo do nada e abraçar a influência ao invés de fugirmos dela” — Austin Kleon


Depois que descobrimos que nada é totalmente original, aquele fardo e responsabilidade em criarmos algo do zero some. Este é o primeiro passo para libertar e despertar a sua criatividade.

A seguir, vamos conferir as 8 dicas para sermos mais criativos.

8 Dicas Para Despertar a Criatividade Que Existe em Você


1 — Não se Cobre Demais


Apesar da criatividade ser uma habilidade que pode ser aprendida e desenvolvida com o decorrer da nossa vida, existem pessoas que possuem uma mente mais aberta e predisposta a serem mais criativas do que outras.

Isso significa que determinadas pessoas têm mais facilidade em ter ideias diferentes do que as demais. Porém isto se trata somente de uma questão de paciência e prática.

Não devemos nos pressionar para dominarmos esta habilidade, pois isto acarretará em um bloqueio criativo em nossa mente. A criatividade precisa ter espaço para fluir. Ela exige que tenhamos a mente aberta para que ideias novas possam surgir.

Comece a observar as coisas do seu dia a dia com uma perspectiva diferente. Pergunte a si mesmo como as coisas do seu cotidiano podem ser úteis para inspirar novas ideias.

2 — Tenha Boas Fontes de Inspiração


As fontes de inspiração nos incentivam a ter novas ideias. Elas podem ser pessoas, momentos, lugares, livros, filmes, músicas, entre outros. Tudo pode se tornar uma fonte de inspiração e podemos ter inúmeras fontes diferentes.

Quando consideramos alguma pessoa como sendo uma inspiração para nós, podemos realizar uma pesquisa com o objetivo de descobrir quais são as suas fontes de inspiração. Quando realizamos esta busca, normalmente ampliamos e enriquecemos as nossas inspirações, uma vez que temos a oportunidade de unir as melhores características de cada uma das fontes dela.

3 — Seja Curioso


Um hábito que temos e que muitas vezes fazemos de forma inconsciente, mas que poderia ter seus resultados ampliados caso realizássemos conscientemente, é de fazer pesquisas no Google.

A prática de pesquisar as dúvidas que temos no Google nos traz muitos benefícios, pois caso não encontremos a resposta para a nossa pergunta, vamos achar uma pergunta ainda melhor e mais intrigante, que nos incentivará a pesquisar e descobrir mais coisas.

O mais importante não é achar todas as respostas, mas sim sempre ter novas perguntas para fazer.

4 — Guarde as Ideias Ainda Não Usadas


Estamos o tempo todo correndo, cheios de tarefas e compromissos. Lembrar de tudo o que precisamos fazer e de tudo que pensamos se torna cada vez mais difícil.

Por isso, crie o hábito de ter um local para anotar todas as ideias, pensamentos, frases, opiniões e inspirações que você tiver. Seja em um caderno, arquivo no computador ou aplicativo. O importante é ter ele sempre ao seu alcance para incluir novos itens ou consultar os já existentes.

Faça anotações, mesmo que na hora elas possam parecer sem sentido ou irrelevantes. Quando você estiver sem ideias, elas serão importantes para lhe ajudar a ter novas inspirações.

5 — Finja Até Conseguir


Talvez você já tenha lido ou ouvido esta frase, mas nunca tenha realmente a intendido. Ela pode ser interpretada de duas formas:

(1) Fingir ser algo que você não é, até que você se torne (ex: ser bem sucedido, ter o cargo que deseja); ou (2) fingir fazer algo até estar fazendo (ex: escrevendo bem).

Devemos nos vestir de acordo com o cargo que queremos ter e não de acordo com o cargo que temos. Devemos escrever até que consigamos escrever bem, mesmo escrevendo mal. Devemos manter o foco no nosso sonho, mesmo diante dos obstáculos e desafios que teremos de superar.

Em outras palavras é como treinar, porém além de praticar a ação, também praticamos o nosso psicológico. Afirmamos que somos, tanto fazendo quanto pensando.

“Aqueles que não querem imitar nada, produzem coisa alguma” — Salvador Dalí


6 — Faça Aquilo Que é a Sua Paixão


Normalmente recebemos conselhos nos dizendo para fazermos as coisas que as outras pessoas esperam que façamos ou as que dão mais dinheiro. Muitas vezes isso significa fazermos algo que não gostamos.

Com o passar dos anos, o peso da obrigação de fazermos aquilo que não é a nossa paixão nos coloca em uma rotina monótona, massante e sem incentivo para sermos criativos.

Quando focamos em fazer aquilo que gostamos, mesmo não sendo exatamente aquilo que as pessoas esperavam ou o que tinha mais retorno financeiro, temos motivação para descobrir maneiras novas de fazer e criar. Inclusive, esse engajamento pode nos dar a possibilidade de unir a nossa paixão com o ganho de dinheiro.

Escreva o texto que você quer ler. Toque a música que quer ouvir. Abra a empresa onde quer trabalhar. Crie o produto que quer usar.

“Nós somos talhados e moldados por aquilo que amamos” — Goethe


7 — Tire um Momento Para Não Fazer Nada


Diante de tantas tarefas e deveres, esquecemos de tirar um tempo para descansarmos e nos distrairmos dos afazeres como trabalho e estudos.

Periodicamente tenha um tempo para limpar e desintoxicar a sua mente. Até os computadores, celulares e demais aparelhos eletrônicos precisam, vez que outra, serem desligados e reiniciados. Quem dirá nós.

Saia de casa, caminhe, observe o trânsito, os animais, a natureza. Tenha um hobby. Faça algo que tire a sua mente dos problemas e das obrigações do dia a dia.

Um momento entre você e seus pensamentos, sem a interferência do mundo externo, irá oxigenar e regenerar a sua mente. Isso nos torna mais propensos a sermos criativos.

8 — Tenha Relacionamentos Incentivadores


Devemos prestar muita atenção nas pessoas que compõem o nosso círculo de amigos, pois nos tornamos semelhantes a todos que nos rodeiam.

Busque ter pessoas interessantes a sua volta. Pessoas que são realmente relevantes, que estão dispostas a trocar experiências, opiniões e ideias com você. Procure ter amigos que atuem em diferentes

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.