O que é Tesouro Direto e como investir nele?

Com o Tesouro Direto, você pode aumentar em 4x o seu dinheiro e com mais segurança do que investimentos na poupança. Você pode se aposentar antes do 50 anos

Você conhece o Tesouro Direto? Não? Então, está na hora de conhecer. Com todas essas mudanças nas leis trabalhistas, como por exemplo, as novas regras para aposentadoria, nós, brasileiros trabalhadores, precisamos conhecer novas formas de investir o nosso dinheiro. O Tesouro Direto rende até 4X mais do que a Poupança, todo esse tempo você estava sendo enganado pelos bancos, a poupança não é mais vantagem nenhuma pra quem poupa e faz esse tipo de investimento, se você investe em títulos capitalizados, saiba que isso também é pura enganação dos bancos e das financeiras. Leia esse artigo até o final e saiba como ter Sucesso Financeiro na sua Vida.

O que é Tesouro Direto?

O Tesouro Direto é um programa de negociação de títulos públicos a pessoas físicas por meio da internet. Para o pequeno investidor, o Tesouro Direto é considerado uma opção de investimento de baixo custo e segura, já que os títulos públicos são considerados os ativos com menor risco em uma economia.

Desenvolvido pelo Tesouro Nacional em parceria com a CBLC (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia). Na prática, consiste na oferta de títulos públicos de renda fixa para pessoas
físicas.

Os títulos de renda fixa podem ser pré ou pós-fixados. A cada título lançado é definida a data de vencimento e o índice de correção, como a Selic, o IGP-M ou o IPCA.

Investir no Tesouro Direto é simples e você não precisa de muito dinheiro para começar a aplicar.

Como Funciona o Tesouro Direto?

Por ser uma parceria entre o Tesouro Nacional e a bolsa de valores (a BM&FBovespa), as perações no Tesouro Direto são realizadas através de uma corretora O que é o Tesouro Direto 23 ou distribuidora de valores, que no contexto do Tesouro Direto são chamadas de “agentes de custódia”. Então, o primeiro passo para investir no Tesouro Direto é ter conta aberta em uma instituição financeira.

Como Investir no Tesouro Direto?

Confira o passo a passo divulgado pelo Ministério da Fazenda para começar a investir o seu dinheiro de forma segura e muito mais lucrativa do que guardar na poupança.

  1. Primeiramente, você precisa ter CPF e conta corrente em uma instituição financeira.
  2. A partir daí, você deverá escolher uma instituição financeira, que pode ser um banco ou uma corretora, também chamada de agente de custódia, para intermediar suas transações com o Tesouro Direto. No botão apresentado no final desta página, você encontra a lista de todas as instituições habilitadas a operar com títulos públicos federais. Também são apresentadas as taxas de administração cobradas por elas.
  3. Entre em contato com a instituição financeira escolhida e solicite seu cadastramento. Você deverá fornecer a documentação necessária para que essa instituição abra uma conta em seu nome para operar com o Tesouro Direto.
  4. A partir disso, você receberá uma senha provisória da BM&FBovespa para o primeiro acesso à área restrita do Tesouro Direto, em que são realizadas as operações de compra e venda, assim como consultas a saldos e extratos.
  5. Troque a senha provisória por uma nova que deverá conter entre 8 e 16 dígitos, composta por letras, números e caracteres especiais. Pronto! Você já será investidor habilitado e poderá começar a investir.
  6. Agora, você precisa descobrir qual título é mais adequado para alcançar o seu objetivo financeiro. Para ajudá-lo nessa escolha, utilize a ferramenta Orientador Financeiro oferecida tanto no site do Tesouro Direto quanto na área restrita ao investidor. Definido o título adequado, basta efetuar a sua compra.
ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento