Tem vagas na sua loja? Saiba como achar o candidato ideal
Tem vagas na sua loja? Saiba como achar o candidato ideal

Tem vagas na sua loja? Saiba como achar o candidato ideal

Na hora de escolher um novo membro para sua equipe, é importante levar em consideração desde as funções que serão exercidas, até o perfil do candidato, sua personalidade, pretensões e preferências

Você começa a tocar sua empresa sozinho, mas, quando vê, já não está mais dando conta do recado. Apesar de se desdobrar em mil e assumir papéis de contador, repositor, atendente e office-boy, ainda faltam mãos para cumprir mais tarefas.

É, meu caro, a boa notícia é que sua empresa está crescendo! E chegou a hora de contratar funcionários para ajuda-lo no dia a dia.

E pensa que contratar é fácil? É aí que vem a má notícia: segundo uma pesquisa da consultoria de RH Manpower 64% dos empregadores não conseguem achar o candidato ideal para a sua vaga.

Na hora de escolher um novo membro para sua equipe, é importante levar em consideração desde as funções que serão exercidas, até o perfil do candidato, sua personalidade, pretensões e preferências.

Para facilitar esse processo, listo cinco dicas para você encontrar o candidato que procura.

Divulgue sua vaga em diferentes canais



Optar pela indicação de candidatos, seja de amigos, família ou de colegas de trabalho, é uma saída. Porém, ao divulgar sua vaga, você pode encontrar profissionais com ideias e vivências diferentes das que você está acostumado, além de abrir um leque muito maior de possibilidades.

Para espalhar seu anúncio, você pode usar as redes sociais, ou sites especializados, que funcionam como classificados online. Alguns são pagos, mas tem serviços gratuitos que também podem ser eficientes, dependendo do objetivo.

Lembre-se: seja bastante claro tanto na descrição do cargo quanto no perfil de funcionário que deseja.

Analise o currículo com objetividade



Veja se o concorrente tem, de fato, as qualificações que você deseja. Por exemplo, um funcionário que irá lidar com finanças, necessita ter uma formação relacionada ou experiência na área. Neste caso, vontade somente não basta.

Além disso, procure por habilidades que diferenciem o candidato dos demais. Se o seu e-commerce fizer negócio com fornecedores da Itália, por exemplo, a fluência no idioma do país facilitará o trabalho.

Outra hipótese: se a sua loja trabalha com o universo de quadrinhos e produtos nerds, um profissional de marketing que curte o tema pode se sair melhor do que aquele que não está por dentro desses assuntos.

Procure por referências



Se no currículo houver referências, não se acanhe em contatá-las. Um papo com o ex-chefe do candidato pode fornecer informações concretas de como aquela pessoa se comporta em um ambiente de trabalho (e se esse perfil funciona ou não para a sua empresa).

Outra dica é procurar pelo candidato nas redes sociais, especialmente no LinkedIn, que é voltado a assuntos profissionais. Você pode descobrir nessa rede, por exemplo, quais contatos vocês têm em comum ou ler recomendações feitas pelos antigos colegas de trabalho do candidato.

Faça um roteiro para a entrevista



Antes de chamar o candidato para conversar, atente para o que você quer saber dele durante o papo.

A partir dos pontos levantados, desenvolva um roteirinho para a entrevista, com questões que vão desde a experiência profissional do concorrente, a especificidades da vaga. Assim, você evita esquecer de perguntar algo que venha a ser imprescindível para a escolha.

Atente para o perfil do candidato



Durante a entrevista, vá além das qualificações do candidato, e pergunte sobre seus gostos e pretensões. Apenas tome cuidado para não abordar assuntos muito pessoais, como problemas em família.

Ao conhecer quem ele é “nas horas vagas”, você pode prever seu perfil profissional, e se ele vai se encaixar ou não com a função que será desempenhada.

Um candidato tímido, por exemplo, não é a melhor opção para o cargo de atendimento ao cliente. De mesmo jeito que alguém muito baladeiro, talvez não se encaixe em uma rotina de trabalho que inclua finais de semana.

A escolha não é fácil, mas também não é irreversível. Na dúvida, combine previamente um período de experiência. Ambos precisam sentir melhor o terreno antes de embarcar na viagem!

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento