Café com ADM
#

Resultados imediatos ou planejamento de médio e longo prazos?

Você é imediatista? Se sim, neste artigo tem uma breve explanação sobre o porque, as vezes, pensar no longo prazo pode nos trazer melhroes resultados.

Muitas empresas atualmente sofrem com severos problemas causados pelo errôneo costume adquirido ultimamente por algumas de não olhar para o futuro, com a intenção de direcionar e planejar suas ações.

A busca desenfreada pelo resultado, sempre no curto prazo, "para ontem" como dizemos popularmente, muitas vezes causam a desconstrução da base, que deveria ser sólida, eliminando os planos de longo prazo das pautas das reuniões.

Qual empresa não quer colher resultados positivos hoje, ou neste exercício? Provavelmente todas. Porém, o que muitos empresários se esquecem de observar é que por conta deste imediatismo, acabam deixando muita coisa importante de lado por causa destes objetivos.

Outra questão relevante é que resultados que se mostram, em um primeiro momento, positivos, mascaram erros e falhas que eventualmente surgirão em um futuro próximo e, possivelmente, ocasionarão comprometimento dos resultados e prejuízos às empresas, sem que sejamos capazes de traçar um paralelo coerente entre estas perdas e àqueles resultados aparentemente positivos.

Colher resultados positivos consistentes e de maneira duradoura passa, especificamente, por um bom planejamento de médio e longo prazos. Os empresários precisam compreender que dez anos de bons resultados são muito mais benéficos e efetivos para a longevidade da empresa do que um ano com resultados espetaculares, seguido de uma série de anos com resultados medianos, ruins, ou até mesmo deficitários.

Claro, não vamos confundir calma e paciência com lerdeza ou inoperância, não é isto. Devemos sempre trabalhar com foco no hoje, atuando proativamente para atingimento de melhores resultados. Porém, devemos optar pelas escolhas cujo resultado tenda a ser duradouro, em detrimento a resultados milagrosos demais no curto prazo, sob pena de que estes resultados demonstrem sua inocuidade tardiamente, comprometendo sobremaneira a saúde financeira da empresa.

Planejamento estratégico de médio e longo prazos garante a longevidade e a solidez das instituições, tornando-as menos suscetíveis às incertezas e variações que ocorrem a todo instante em mercados dinâmicos, tais como o brasileiro, que tem se mostrado bastante volátil ao longo das últimas décadas.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.