Café com ADM
#

Re-imagine o seu negócio

Fechando o meu ciclo de resumos das palestras da ExpoManagement 2004, nada melhor do que tentar traduzir em frias palavras a ‘caliente’, enérgica, dinâmica palestra do grande guru americano Tom Peters.

Fechando o meu ciclo de resumos das palestras da ExpoManagement 2004, nada melhor do que tentar traduzir em frias palavras a caliente, enérgica, dinâmica palestra do grande guru americano Tom Peters. É impossível ficar impassível ao seu discurso em Tom desafiante e inquisidor, clamando por reações agressivas e até ameaçadoras àqueles que se cegam diante das mudanças no mundo dos negócios. A seguir, resumidamente, sua lista de 15 regras para você repensar o seu negócio nos dias atuais:

1)
Re-imagine suas apostas: 75% de todas as operações administrativas, de apoio e financeiras serão informatizadas dentro dos próximos 3 anos. Pense no que significa a entrada rápida de 3 bilhões de novos consumidores da China, Índia e Rússia no mercado.

2) Re-imagine a perpetuidade: Das 18 empresas que permanecem na lista da Forbes 100 desde sua primeira edição em 1917, apenas duas, GE a Kodak, tiveram um bom desempenho no mercado ao final de 70 anos.

3) Re-imagine a organização: Não é difícil imaginar uma empresa de uma só pessoa gerando receitas de US$ 1 bilhão, sendo totalmente terceirizada. A palavra-chave agora não é outsourcing e sim best sourcing, ou seja, terceirizar inteligentemente.

4)Re-imagine sua gerência média, o imperativo do PSF (Professional Service Firm): Gerentes sendo transformados de custo para parceiro, demonstrando valor agregado direto e efetivo. Cada um deve agir como se fosse dono de sua própria empresa de serviços pessoais. A idéia é perceber-se como um potencial gerador de receitas que possam cobrir o próprio salário e ainda gerar lucro.

5) Re-imagine a proposta de valor: Sua empresa deve gerar soluções e não mais produtos e serviços. É isso que a UPS, GE e IBM estão fazendo.

6) Re-imagine a empresa como um mundo de experiências: Pense no negócio da Harley-Davidson (O que vendemos é a capacidade de um contador na meia idade, vestido com roupas de couro preto, entrar com sua moto numa pequena cidade e aterrorizar a todos).

7) Re-imagine o negócio como um sonho: A sociedade da informação é passado. Hoje vivemos na sociedade do sonho, os consumidores tomam suas decisões de compra com base nos desejos. Os produtos apelam mais para o coração do que para a cabeça. O valor financeiro conta menos do que o valor emocional.

8) Re-imagine o design do seu produto: A Apple é o maior exemplo disto. Tecnologia, preço, funcionalidades, desempenho são quase os mesmos entre os competidores. O que efetivamente gera diferencial hoje é o design. É no design que buscamos atender nossas aspirações de nos sentirmos especiais e de nos destacarmos perante os demais.

9) Re-imagine sua história: Na medida em que a inteligência e a informação se tornam domínio da informática, a sociedade vai prestando mais atenção num domínio que ainda não pode ser automatizado: A emoção. A imaginação, os mitos, os rituais, vão afetar o nosso poder de decisão e a forma como nos relacionamos com os outros. As empresas prosperarão dependendo do seu conhecimento de suas histórias e mitos. Empresas descobrirão que seus produtos são menos importantes que sua história.

10) Re-imagine as raízes da inovação: Para crescer, as empresas precisam romper o vício de seguir benchmarks competitivos. Ninguém consegue ser inovador e original seguindo as idéias de outros inovadores. O que existe em comum entre todas as empresas inovadoras é que elas não tem nada em comum. O difícil em seguir os passos do líder é justamente porque ele fez algo original, que deixa de ser original a partir do momento que alguém o copia. Sabe onde está o gargalo da garrafa? No topo. Sabe onde está o gargalo da inovação nas organizações? No mesmo lugar.

11) Re-imagine seu cliente, o poder feminino: As mulheres tomam 91% das decisões de compras para a casa, 92% das decisões de destinos para as férias, 91% das decisões de compra de casa, e assim por diante. 91% das mulheres acham que os anunciantes não as entendem. O relatório Popcorn diz que homens não pensam como mulheres, não se comunicam das mesma maneira e não compram da mesma forma. Enquanto homens apenas querem que a transação se efetive, as mulheres querem construir um relacionamento.

12) Re-imagine a excelência: Seja obsessivo para atrair talentos. Os melhores desenvolvedores de software não são 10 ou 100 vezes mais produtivos do que os medianos, mas 10 mil vezes.

13) Re-imagine a liderança, o poder das mulheres: Estudo publicado na BusinessWeek mostra que líderes femininos superam seus pares masculinos em quase todos os fundamentos.

14) Re-imagine a educação: O mundo evolui em eras. Tivemos a era da agricultura, a era da indústria e a era da informação. A nova onda é a Era do conceito. Ao invés de trabalhar a terra, as máquinas ou os dados, teremos que aprender a trabalhar idéias, conceitos e abstrações.

15) Re-imagine a liderança, o imperativo da paixão: Ofereça a seus colaboradores uma missão inspiradora; Crie uma Causa, não um negócio; Ouse lançar-se em aventuras; Tenha a coragem de dizer Eu não sei!; A melhor coisa que um líder pode fazer por sua equipe é permitir-lhes descobrir sua própria grandeza; Recompense fracassos excelentes e puna sucessos medíocres.


ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.