Quatro dicas para obter sucesso emocional

“Não é sinal de sucesso emocional estar bem adaptado a uma sociedade doente

“Não é sinal de sucesso emocional estar bem adaptado a uma sociedade doente”. - Irlei Hammes Wiesel

1. Aponte para o futuro: Sonhe com uma direção impactante, mas mantenha-se no aqui e agora. O presente deverá ser nossa moradia para acolher o tempo de espera que a construção de cada passo exige. A execução da estratégia, mesmo bem planejada, é improvável e por vezes necessita de intervenção, não é mesmo? Neste processo, o perigo está na ansiedade. Ela é devastadora. Para evitá-la, fique no presente e apenas espie o futuro. Aquele que vive no futuro projetado demonstra insucesso emocional.

2. Ouça seus demônios: O passado é um arquivo secreto. Nele armazenamos registros de momentos maravilhosos e também traumáticos. Lembrar do que foi bom fortalece a autoestima, assim como recordar o que na época nos arrasou poderá tornar-se um inibidor de atitudes que levarão ao sucesso.

Um exemplo é uma pessoa que se esconde do mundo. Possivelmente, ela tem um registro negativo sobre expor-se. Eventos como traição são reflexos de comportamentos de auto-exclusão. Aquele que esconde o passado de si mesmo demonstra insucesso emocional.

3. Cuide para não falar exageradamente: Quem fala sem parar, esconde um vulcão de ansiedade pessoal. Atormentado com suas aflições, aluga os outros para distrair-se de si mesmo. A pessoa serena fala pouco, ouve mais, introspecta e, se basta. Sua comunicação verbal se dá com um conteúdo inteligente, alegre e motivador. Aquele que atrapalha os que estão à sua volta com sua conversa interminável demonstra insucesso emocional.

4. Evite viver no mundo virtual: A escolha pelo mundo virtual é a fuga para um ambiente colorido e perfeito. É um lugar em que pessoas expõem o seu melhor e anseiam curtidas. Aquele que opta por este caminho contribuiu com o mundo da exposição na transformação do planeta Terra em um lugar desabitado e, através desta atitude, demonstra insucesso emocional.

Estamos entrando na era dos “sem planeta”, onde não é preciso sol, lua, grama, água, vento, chuva, flores, pessoas físicas, nem mesmo alimentação. Os habitantes desconhecem o tempo, pois caminham na rua e nada vêem, além da tela do seu smartphone. Pode ser noite, mas também pode ser dia. Essa condição pouco importa para eles, pois o mundo virtual tem luz, cor e bate-papo que jamais acabam. Os “sem planeta” nunca dormem. Estão sempre vagando entre uma plataforma ou outra, cientes de que lá sempre haverá companhia. Neste universo virtual, escondem-se insucessos emocionais que desconhecem a verdadeira razão que os motivou a troca de planeta.

Fazem parte aqueles que acreditam que o principal motivo pela fuga em massa seja a liberdade e a conquista instantânea de milhares de amigos. Entretanto, a ilusão desta verdade está provocando uma doença. Portanto, cuidado com o exagero.

Voltar para o planeta Terra é demonstrar sucesso emocional.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento