Quando fazer uma pós-graduação?
Quando fazer uma pós-graduação?

Quando fazer uma pós-graduação?

Qual é o melhor momento para fazer uma pós-graduação? Nem sempre é logo depois da graduação, pois é preciso amadurecer. Também não se deve fazer um curso por fazer, sem observar o retorno para a carreira

Após ter concluído a graduação, um grande dilema assombra os profissionais: o que fazer para alavancar a carreira? Uma pós-graduação de imediato para não perder o pique ou esperar a necessidade bater à porta. Nem uma coisa nem outra. É preciso analisar, primeiramente, as vantagens, desvantagens e relação custo e benefício.

Uma pós-graduação latu-sensu é uma boa pedida quando o profissional se encontra estacionado e sente que não consegue crescer em sua área de trabalho, mesmo tendo bons conhecimentos em sua área de atuação. Entretanto fazer uma pós-graduação qualquer para manter-se competitivo pode não ajudar muito.

Primeiramente o profissional deve avaliar se a pós-graduação vai mesmo agregar valor à sua empregabilidade. Empregabilidade é o termo utilizado para designar se o profissional tem possibilidades de crescer no emprego atual ou em outras organizações em função de sua experiência, expertise em sua área de atuação, domínio de competências como liderança, comunicação, relações interpessoais, fluência em outros idiomas, rede de relacionamento etc. Quem nos últimos meses não recebeu nenhum convite para entrevistas, pode estar com a empregabilidade em baixa. Neste caso é recomendável fazer uma análise das forças, fraquezas, ameaças e oportunidades da sua carreira.

É preciso fazer, também uma análise da relação custo x benefício do investimento. A decisão é estratégica para qualquer profissional. Fazer um grande investimento num curso sem uma avaliação criteriosa pode não levar a lugar nenhum termos de crescimento. Se o profissional gosta da área em que está atuando e quer avançar nela, a pós graduação é uma boa opção, mas se está insatisfeito com o que faz, é melhor procurar um coaching para avaliar melhor o plano de carreira antes de tomar a decisão.

Outro aspecto importante é a instituição onde fazer um curso de pós-graduação. Optar por um curso apenas para engordar o currículo sem avaliar se a instituição é séria, tem visibilidade no mercado ou seu corpo docente é realmente de alto nível, pode ser um desperdício de recursos escassos. Instituições com tradição no mercado e que tenham um corpo docente de alto nível, são garantias para o retorno do investimento.

Finalizando, um curso de pós graduação é, também, uma forma muito eficiente para ampliação da rede de relacionamentos para os profissionais (networking). Num bom curso é sempre possível encontrar bons profissionais que atuam em diversas empresas de vários segmentos. A troca de experiências com os colegas contribui para agregar valor à carreira, além de ampliar o rol de relacionamentos profissionais, fator fundamental quando se está procurando uma nova colocação.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    café com admMinimizar