Qual o sentido da vida?
Qual o sentido da vida?

Qual o sentido da vida?

Quando afina-se mente e coração, passa-se a escutar a voz interna e ela auxilia na busca do sentido para a vida.

Alegria, criatividade e amorosidade são algumas das facetas da humanidade.

Manter-se nesses estados dependerá das escolhas que se faz a partir da conexão com o coração, já que nele reside a fonte da sabedoria infinita.

E, para conectar-se ao coração, e usufruir dos benefícios dessa maravilhosa união, é preciso que se tenha o senso do merecimento.

Muitas pessoas sentem medo, vergonha, culpas, enfim, sentimentos que as impedem de seguir adiante em direção à felicidade.

Apesar desses sentimentos provocarem mal- estar, dificilmente, haverá alguém que nunca os experimentou.

Entender que, em algum momento, qualquer pessoa pode tornar-se vulnerável facilita as relações intra e interpessoais.

Reconhecer até que ponto a fragilidade impacta na aceitação de si mesmo, e das suas atitudes, torna a pessoa mais lúcida e integrada ao meio em que vive.

Libertar-se da necessidade de ter certezas absolutas, abrir-se para adquirir novos conhecimentos, executar alguma tarefa inusitada, fazer escolhas alinhadas aos próprios valores, desobrigar-se de ter o controle de todas as situações é acolher, aceitar e desafiar a vulnerabilidade.

Quando afina-se mente e coração, passa-se a escutar a voz interna e ela auxilia na busca do sentido para a vida.

Ela ensina que o amor próprio, a autocompaixão e a autogenerosidade são fundamentais para o buscador de significado: o amor- próprio como sentimento de apreço e cuidado consigo mesmo; a autocompaixão como desejo de se ajudar e de adquirir inteligência emocional e a autogenerosidade como abertura para vida sem receios e sem prejulgamentos.

No silêncio, a voz interna, ainda, ajuda a entender que é preciso ter coragem para admitir-se imperfeito, que a autenticidade é o que diferencia as pessoas e as torna únicas.

Para viver uma vida plena é preciso abrir mão de excessos de autocríticas e convicções e admitir que acertar e errar fazem parte da evolução humana.

Quanto mais vive-se com auto-aceitação, e aceitação do outro, mais sentido terá a vida e maior será a conexão com o Todo.

Qual é o sentido da sua vida?

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    Lenora Santos

    Lenora SantosAdministrador Premium

    Lenora é Master Coach Sênior e especialista em Gestão de Pessoas. Atua com Treinamento & Desenvolvimento pessoal, profissional e gerencial. Av. das Hortênsias, 2676 lj 6 Centro Gramado RS

    café com admMinimizar