Produtividade em épocas de fim de ano

Confraternizações, férias e festas tiram a concentração de muitas pessoas no fim de ano. Veja como continuar sendo produtivo no trabalho

Período de férias coletivas, festas e muito descanso para alguns colaboradores, mas para outros não. Enquanto algumas equipes entram de férias e estão ansiosas para as festividades, outras estão se preparando para cobrir os colaboradores que ficarão fora.

E temos que ser sinceros, esse momento pode ser desanimador para muitas pessoas. Afinal, todo mundo gostaria de sair de férias e aproveitar as festas de final de ano, não é mesmo?

Porém, não adianta chorar ou se lamentar, todos têm tarefas a cumprir e a empresa precisa de você e conta com a sua colaboração.

Por isso, durante esse período, o rendimento não pode cair, muito pelo contrário, os gestores precisam ver que mesmo com a equipe reduzida a companhia continua crescendo.

Quer deixar seus dias mais produtivos no final do ano? Confira as dicas abaixo:

Liste as tarefas do dia

Primeiro dia sem a equipe toda na empresa. Pegue um bloco, um caderno ou folha em branco e anote todas as tarefas que você precisa fazer no dia. Pode incluir tanto aquelas que precisam ser entregues no dia, quanto as atividades que precisam ser iniciadas no dia, mas serão entregues em outra data.

Outras pessoas dependem de você no trabalho? Então, faça uma lista com tudo o que essas pessoas podem precisar de você.

Coloque a lista em ordem de prioridade e dificuldade. Comece pelas prioridades, pois independentemente do nível de dificuldade, se ela é uma prioridade precisa ser feita primeiro, né?

Depois veja o nível de dificuldade entre as que sobraram e comece pelas mais fáceis. Assim você não perderá tanto tempo do dia.

Essa dica, inclusive, é muito importante. Quando não há prioridades entre as tarefas, comece sempre pelas mais simples, tente começá-las e terminá-las sem pausas. Muitas vezes perdemos muito tempo com atividades que não exigem tanto de nós e acabamos prejudicando as demais.

Evite começar e parar uma atividade, isso é um sinal de procrastinação. Começou, termine!

Adiante tarefas futuras

É muito comum terminarmos o ano já sabendo as atividades que teremos para o próximo. Tarefas inacabadas, planejamento para o próximo período, sugestões de ações, enfim, sempre tem alguma atividade prevista para ser iniciada após as festas de final de ano.

Você pode aproveitar esses últimos dias do ano para adiantá-las ou começar a estruturá-las. Dessa forma, você aproveita melhor o seu tempo e ajuda a minimizar processos futuros.

Organize as pendências do ano

Essa etapa é uma das mais importantes. Ficou alguma coisa pendente no ano, tarefa que não foi possível concluir, por falta de tempo ou por qualquer outro motivo? Esse é o momento de “tirar todas da gaveta” e concluí-las.

Sempre tem uma atividade que deixamos para depois e não concluímos nunca. E muitas vezes, são tarefas simples, mas por diversos motivos acabam sendo esquecidas.

O ideal é que antes de começarmos novos projetos, os anteriores estejam completamente finalizados.

Mas não coloque todo o seu foco nisso. Faça uma lista com as mais simples, que não dependem de pessoas que não estão na empresa, e que você sabe que conseguirá resolver sozinho.

Caso não seja possível resolver todas, por causa de alguma dependência, não tem problema, inclua no seu planejamento e resolva assim que for possível.

Evite as redes sociais

As redes sociais são os maiores adversários da produtividade. Acessamos uma rede social no intervalo de uma tarefa, pensando em dar uma olhada rápida, mas quando nos damos conta já se passaram muitos minutos e, algumas vezes, até horas.

Tente calcular quantas vezes do seu dia você dedicou às redes sociais e quanto tempo ficou nelas em cada uma dessas vezes. O resultado pode ser assustador.

Perdemos muito tempo do nosso dia, trabalho e até das nossas vidas nas redes sociais.

Por isso, sempre que sentir vontade de acessar uma rede social, levante, dê uma volta, converse com um colega sobre a atividade em que está trabalhando, tente esquecer essa vontade.

Se conseguir evitar esses acessos, no fim, verá que o seu dia foi muito mais produtivo.

Use aplicativos de bloqueio

Uma forma eficiente de fugir do acesso às redes sociais e a outros sites que contribuem com a procrastinação é bloqueando os acessos.

Isso pode ser feito de forma simples, com a ajuda de aplicativos de bloqueio. Você instala os aplicativos em seu navegador, delimita o que pode acessar e por quanto tempo. Ou ainda, pode instalar programas que te auxiliam durante a execução de tarefas que exigem total atenção.

No artigo Dificuldade para se concentrar? Sete utilitários evitam distrações online, você pode conferir algumas opções listadas pelo portal Techtudo e escolher aquela que se adéqua melhor ao seu trabalho.

Faça pausas entre as atividades

Falei acima sobre levantar e dar uma volta ou conversar com um colega, sempre que você tiver vontade de acessar uma rede social. Mas essa atitude também deve ser feita entre as atividades em que você está trabalhando.

Ficar muito tempo em frente ao computador não é bom para a mente e nem para o corpo. O seu organismo precisa dessas pausas para poder continuar o resto do dia com todo gás.

Sair um pouco do ambiente em que você está acostumado vai te ajudar a pensar melhor e analisar suas tarefas por outra perspectiva.

Por isso, de tempos em tempos, levante, vá ao banheiro, tome uma água, um café, converse com o colega.

No dia a dia, não costumamos fazer pausas, pois acreditamos que estamos sempre sem tempo, mas esses poucos minutos fora da sua mesa podem te ajudar a retomar a concentração e ser muito mais produtivo.

Faça o teste ;)

Definir suas tarefas para o dia seguinte é essencial para garantir a produtividade no trabalho. E para que você tire maior proveito disso, o ideal é fazer isso sempre no dia anterior, antes de terminar o dia. Assim você consegue saber o que não foi concluído e no dia seguinte não perderá tempo pensando em tudo o que precisa ser feito.

Na hora de planejar o seu dia de trabalho faça as seguintes perguntas a si mesmo:

  • O que é importante, mas não é urgente?
  • O que é urgente, mas pode ser feito por outra pessoa e você pode delegar?
  • O que é urgente e depende de outros colaboradores?
  • O que é urgente e depende unicamente de você?
  • Quanto tempo levará para fazer cada atividade?

É interessante cronometrar o tempo de cada atividade para você entender sua capacidade e seus próprios prazos. Nas próximas vezes em que for trabalhar em uma atividade parecida, já saberá qual é a média de tempo investido nela.

Sempre que possível, tente começar o dia trabalhando nas tarefas urgentes e que dependem só de você, é uma forma de otimizar seu tempo e garantir a entrega das suas atividades.

Ser produtivo no trabalho depende muito mais da nossa organização e empenho do que de outros fatores, mas é claro que durante alguns períodos estamos mais propensos a procrastinar, como acontece no período de final de ano. Mas seguindo as dicas acima, com certeza, você garantirá muito mais produtividade e entrega no seu dia a dia.

E então, o que achou das orientações? Como costuma ser o seu dia de trabalho? Conte para a gente, deixe um comentário abaixo!

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento