Café com ADM
#

produtividade do leite

A produtividade média do rebanho brasileiro é tão pequena quanto o lugar que o país ocupa entre os países produtores do mesmo. A produção de leite no país é menor que a demanda pelo produto. Este fato pode ser devido a vontade do consumidor de antigamente, que queria leite barato, não de boa qualidade. Visando a redução de custos e riscos, muitos produtores investiram em rebanhos de dupla aptidão (produção de leite e carne), uma vez que o preço do leite e da carne são inversamente proporcionais. Resultado: baixa produtividade de ambos. O produtor também não se especializou, pois não tem o leite como principal atividade, na maioria dos casos. É como se fosse uma produção para subsistência. Além disso, o grande número de propriedades existentes (pequenas propriedades) dificulta a formação de associações capazes de representar os produtores com o mínimo de eficácia. Para ocorrer a modernização do setor, seria certa a redução do número de produtores, porém isso teria um alto custo social, a não ser que a economia estivesse em crescimento para absorver tanta mão-de-obra.
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.