Postura Durante Auditoria

- A atividade de ser auditado é de dar medo, naqueles que não estão acostumados com ela. Porém, não podemos esquecer que o auditor externo é uma pessoa empregado de uma empresa contratada para observar se o nosso sistema da qualidade funciona. Ele não está procurando vítimas, ou culpados, ou mesmo erros pessoais. Não se esqueça, que nós somos os clientes do auditor, e temos todo o direito, assim como os nossos clientes, de defender nossas posições em relação aquilo que estamos sendo perguntados.

- Durante a entrevista de auditoria, serão feitas perguntas pelo auditor. Como o auditor só vai auditar aquilo que ele pode ler ou verificar de alguma forma, lembre-se que você tem a seu dispor, as pastas de procedimentos para uso a qualquer momento, inclusive na auditoria. Ninguém precisa saber decor o que está no Procedimento. Você pode ler e responder desta maneira ao auditor.


- Releia os procedimentos de sua área de trabalho, reuna-se com seus colegas para discutir e entender melhor como as atividades estão descritas. Reveja na pasta de procedimentos, as orientações quanto aos tipos de documentos utilizados, a maneira como você deve utilizá-los, os códigos e hierarquia destes documentos.

- Verifique dentro de sua atividade, quais os registros existentes para comprovar a maneira pela qual você fez. Tenha-os sempre disponíveis. Verifique como devem ser tratados os registros. Não se esqueça, que eles são a prova viva de que nosso sistema da qualidade é bom.

- Estude novamente a política da qualidade, discuta e pense: O que eu faço para cumprir esta política?

- Quando a pergunta feita pelo auditor não ficar clara para você, peça para que repita. Não tente responder sem ter a certeza do que foi perguntado. Freqüentemente, os próprios auditores alertam os auditados para que respondam somente aquilo que for perguntado, evitando interpretações erradas por parte do auditor.

- Acima de tudo, lembre-se que o auditor não conhece o nosso trabalho tanto quanto nós. Por isto, ele gosta de fazer tantas perguntas, para poder entender como as coisas funcionam e se você passa a falar de outras coisas, perdendo o foco da pergunta, o auditor não consegue estabelecer uma idéia clara sobre sua atividade. E lembre-se, a maneira como você faz deve ser dita de forma tranqüila, pois você conhece o que faz.

- As não-conformidades, se existirem, são oportunidades de melhoria, e a despeito de qualquer outra coisa que tenha sido falada ou escrita, elas não servem de fonte de avaliação pessoal. Elas existem em função da própria atividade e são previsíveis, isto é, a própria norma define como tratar as Não conformidades, prevendo que elas existirão sempre. O que nãopodemos é deixar de tratar as nossas não-conformidades. Lembre-se: “Ninguém erra sabendo que está fazendo errado”. Portanto, encare as nãoconformidades de maneira tranqüila e sem traumas. Todas poderão ser consertadas dentro do período da auditoria, e finalizadas sua correção antes da indicação da Visa para a certificação.

- No dia da auditoria, haverá acompanhamento por parte do pessoal da qualidade da Matriz, para que você fique tranqüilo. Eles não estarão acompanhando sua performance, ou avaliando sua atuação. Estarão presentes, para auxiliar na resolução de qualquer problema que possa surgir e dar-lhe todo o apoio necessário. São pessoas experientes e que sabem como lidar com as dificuldades de auditoria.

- Lembre-se: Você não é o único a ter problemas com este tipo de trabalho. Normalmente, as pessoas ficam ansiosas e nervosas. Queremos que você entenda que estaremos juntos nesta reta final, e tudo que acontecer durante a auditoria, servirá para melhoria de nosso processo e nosso crescimento pessoal como seres humanos e profissionais que temos a certeza de sermos. Até o dia da indicação, com tranqüilidade e segurança nas informações. “GRANDES CONQUISTAS SÓ SÃO POSSÍVEIS COM GRANDES DESAFIOS E O ESFORÇO DAQUELES QUE QUEREM SER ALGO MAIS DENTRO DO MERCADO E DE SUA EMPRESA”
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.