Por que a maioria dos serviços gratuitos não funciona?
Por que a maioria dos serviços gratuitos não funciona?

Por que a maioria dos serviços gratuitos não funciona?

Eu achava que o problema era das empresas...

Comecei há algum tempo a analisar a eficácia de diversos serviços prestados de forma gratuita, desde aulas de idiomas e informática até consultorias financeiras.

Percebi que em muitos casos, os serviços prestados apresentam resultados insatisfatórios.

Fui então procurar as causas que levam a isso e naturalmente iniciei a pesquisa pelas empresas ou associações. Busquei como era a forma da prestação dos serviços, para tentar identificar se estava ali a causa do baixo rendimento.

A minha constatação foi no mínimo intrigante: a causa estava na maioria dos casos nas pessoas beneficiadas, não nas instituições fornecedoras.

Ouvi de uma pessoa, que fazia um curso de línguas gratuito, que ela tinha um amigo que saiu daquele local para fazer um curso pago, que era muito melhor do que aquele que estava sendo oferecido gratuitamente. Quando fui investigar, essa mesma pessoa sequer frequentava as aulas, e quando estava presente, não participava ativamente das atividades. Imagina se estudava algo sozinha?

Conheci pessoalmente inúmeros outros casos semelhantes que me deixaram um pouco pensativo. Será que as pessoas só se engajam quando pagam pelo que estão fazendo?

Isso é parcialmente uma verdade. A real é que já tive também experiências na prestação de serviços pagos em que não havia interesse da maioria das pessoas.

Se andarmos pelas universidades públicas, que custam muito caro para a sociedade, veremos a mesma situação.

Tenho certeza que você já esteve ou conhece alguém que já esteve em alguma aula, curso ou palestra em que quando faltava meia hora para o término do horário combinado, ao tentar iniciar um novo assunto, logo ouvia-se um coro "ahhhh, hoje ainda?", "vamos embora...".

O mais louco é pensar que as pessoas saem do conforto de casa, para chegar em algum lugar teoricamente usado para aprender, para passar o tempo e pedir para sair mais cedo.

Talvez o desinteresse pelo que é bom seja uma questão cultural, enraizada em nossa sociedade.

É isso.

Bem que eu tentei encerrar o assunto, mas a pergunta ainda não foi totalmente respondida: por que a maioria dos serviços gratuitos não funcionam?

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento