Pessoas precisam de pessoas

O mundo gira em torno das pessoas, das suas ideias e de suas intervenções. Se analisarmos a condição humana, veremos que ninguém nasceu sozinho, muito menos aprendeu a andar só. Em qualquer circunstância da vida, pessoas precisaram de outras pessoas

Na era da tecnologia há quem pense que a máquina substituirá o homem. Será verdade?

A realidade nos mostra que pessoas são cada vez mais peças primordiais para o sucesso das organizações. E eu aposto que será assim até mesmo que a inteligência humana invente tecnologias que supostamente substitua o homem. Até neste momento, o papel de um ser humano será imprescindível e inevitável. Você, empresário, poderá até investir nas mais altas tecnologias, contudo, deve refletir nesta questão pois precisará de bons profissionais para manuseá-las! Mesmo que busque incessantemente por melhores estratégias e diferenciais competitivos, acredite, precisará de pessoas para implementá-las! Empresas que desejam ter os melhores produtos inseridos no mercado também necessitarão de bons vendedores para expor a qualidade dos mesmos com a máxima eloquência. Produtores que desejam grandes plantações, preparem-se, pois também carecerão de pessoas para as amplas colheitas. Instituições de ensino que visam grande potencial de cursos igualmente terão que dispor de mestres diplomados para lecioná-los.

Portanto, o mundo gira em torno das pessoas, das suas ideias e de suas intervenções. Se analisarmos a condição humana, veremos que ninguém nasceu sozinho, muito menos aprendeu a andar só. Em qualquer circunstância da vida, pessoas precisaram de outras pessoas.

Estas provocações nos fazem refletir sobre a diversidade dos assuntos pertinentes a área de Gestão de Pessoas e compreender o princípio da indispensabilidade do indivíduo.

Gestores e líderes preocupam-se, a priori, com resultados mensurados de forma quantitativa. Entretanto, uma empresa que investe na gestão de pessoas direciona as suas ações para a valorização do indivíduo e do relacionamento interpessoal. Elas conquistam a fidelidade dos seus colaboradores que se tornam mais do que funcionários, tornam-se parceiros e o fruto do seu trabalho se traduz em um retorno quantitativo mais ampliado. Este é o objetivo da área de Gestão de Pessoas: promover o desenvolvimento da empresa, mas especialmente, das pessoas.

É importante ressaltar que nossos relacionamentos são o espelho da nossa liderança. Centralização de poder não desenvolve sua equipe, pelo contrário. Qualquer pessoa pode ser chefe, mas liderança é para aqueles que primeiramente apostam em pessoas, não em estratégias.

Você pode até ser o autor da ideia, mas a figura do líder só será notada quando uma equipe inteira for reconhecida. Gerir é simplesmente a arte de criar as circunstâncias certas para o encontro dos Recursos Humanos que estão à disposição das empresas todos os dias. Seja um líder e inspire pessoas.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento