Perfil político: o idealizador x o oportunista
Perfil político: o idealizador x o oportunista

Perfil político: o idealizador x o oportunista

A partir dessas duas definições podemos dividir quem atua na política. Com qual você mais se identifica?

O processo de alguém comum se tornar um político possui um caminho muito longínquo e ardiloso (para uns mais, outros menos). E é dessa vontade em entrar na carreira política que podemos realizar a primeira grande divisão dos políticos: o idealizador e o oportunista.

O idealizador, antes mesmo de querer ser um político, abraçou uma ou várias causas e começou a lutar voluntariamente por ela(s). Seja o defensor dos animais, do meio ambiente, da educação, da saúde, das causas raciais e de gênero, enfim, quem defende uma causa, seja qual for ela dentre as infinidades existentes, é um idealizador. E a partir dessa vontade de querer mudar a realidade atual, o idealizador sente a necessidade de entrar na política, para legislar por este ideal. Por acreditar que é possível a construção de uma realidade melhor e por se aprofundar e se envolver constantemente nas causas que acredita, o político idealizador é mais passional e age com seu coração, o que é algo positivo, mas também negativo, pois muitas vezes a política requer certa frieza e pensamento estritamente calculado.

A outra vontade em ser político surge a partir da análise de uma viabilidade positiva para o candidato. Enxergando uma possibilidade de ascensão, seja qual for seu interesse (financeiro, político ou prestígio pessoal), o político oportunista entra nessa disputa. O oportunista toma suas decisões analisando todas as viabilidades e cenários, portanto ele é um melhor barganhador que o idealista, algo essencial nessa carreira, porém é graças a ele que a política se tornou o verdadeiro comércio de interesses que é hoje.

Ressalvo que aqui não estou dizendo que o oportunista é um político corrupto ou mau, enquanto que o idealizador é o político correto que todos devem ser. Cada tipo tem sua característica específica mas, para que os projetos de um político idealizador andem para frente é necessário que ele tenha doses do oportunistas e o segundo, para não se tornar um lobista de seus próprios interesses e trabalhar também em prol de quem o elegeu (a coisa mais necessária para um político), deve ter também o espírito passional do idealizador.

E você, com qual perfil mais se identifica?

ExibirMinimizar
Digital