Café com ADM
#

PDCA: O ciclo mágico

Na copa do mundo o quadrado mágico transformou-se em em quadrado trágico. Como fazer para acompanhar as ações planejadas para que se tenham comemorações e não lágrimas no final? A resposta ? O ciclo mágico do PDCA.

PDCA: O ciclo mágico

Na copa do mundo o quadrado mágico acabou por se transformar em quadrado trágico. Após os resultados e o desempenho em campo da Seleção Brasileira muitos argumentam que o time estava parado, inerte, estático.

Era senso comum afirmar que tínhamos os melhores jogadores do mundo, mas diante do primeiro adversário realmente preparado o sonho de nova conquista acabou. Como analogia, essa mesma situação pode ocorrer em diversas empresas: as melhores pessoas não conseguem obter êxito em suas ações. Diante dessa situação, como fazer para acompanhar as ações planejadas para que se tenham comemorações e não lágrimas no final? Em vez do quadrado mágico é momento de utilizar um ciclo mágico: o PDCA.
O Ciclo do PDCA foi desenvolvido na década de 1930 por Walter A. Shewhart nos Estados Unidos, no Bell Laboratories. Ele analisou estatisticamente o controle de processos e criou um modelo para ser aplicado na abordagem de qualquer problema, qualquer situação. Deming, famoso estatístico americano, propagou essas idéias no Japão do pós-guerra e como resultado tivemos a popularização pelo mundo da técnica e da qualidade dos produtos japoneses.
Basicamente o ciclo PDCA consiste em agir em quatro fases, representadas pelas iniciais, em inglês, dos procedimentos a serem adotados: plan, do, check, act. Em um primeiro momento, é realizado o planejamento, que envolve estabelecer objetivos, definir recursos, estratégias e selecionar indicadores. Depois, o planejamento é implantado (fazer) em duas etapas. Uma consiste em capacitar o pessoal em relação ao planejado. A outra, na execução das ações propriamente ditas. O ciclo continua com o monitoramento dos procedimentos e resultados que são observados como indicadores previamente estabelecidos. Esses resultados são comparados com aqueles previstos na etapa do planejamento. A partir dessa fase é necessário agir corretivamente, em uma espiral de contínuas melhorias.
Informe-se mais sobre o ciclo PDCA e aprenda uma excelente ferramenta para não ser surpreso pelas adversidades e continuar comemorando o bom desempenho de sua empresa.


Claudio Marlus Skora é administrador, economista e mestre em Administração de Empresas.
Entre em contato com suas colaborações, críticas e dúvidas: claudio_skora@hotmail.com


ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.