Optar pelo autoritarismo é estratégia falha

Cometer erros é inevitável na vida do executivo, mas há formas de reduzir essa possibilidade. Uma delas é prestando atenção ao aspecto comportamental. Na maioria dos casos, os equívocos são fruto de problemas de relacionamento e de atitudes, como autoritarismo, falta de liderança e de comunicação com o resto da empresa. O erro mais comum e que mais pode prejudicar o desempenho do executivo na organização é a falta de entrosamento com sua equipe de trabalho. Muitos se acham mais do que realmente são, e isso é um problema. Ou seja, o perfil pretensioso é um problema comum. Como foi dito acima, a incapacidade de trabalhar em equipe pode ser fatal para a permanência do profissional na empresa. Além de desmotivar o grupo, nem sempre as idéias do executivo será a melhor idéia. Muitas vezes a capacidade técnica acaba não sendo suficiente para evitar a demissão por erros de comportamento. Existem casos reais de um executivo se identificar mais com um acionista e os demais acabarem achando que ele deveria ser demitido, isso porque, o executivo não pode se posicionar a favor de apenas um dos acionistas. Deslizes como esse costumam ser fatais. Curiosamente, não saber dividir o tempo entre família e trabalho também pode comprometer o rendimento do executivo na organização. Muitos executivos chegam cedo na empresa e saem muito tarde e isso acaba gerando um problema, devido a falta de conciliação entre família e trabalho. É possível conciliar a dura rotina do dia-a-dia de trabalho com a família e/ou atividades esportivas. Mas é fato que o nível de tensão permanente pode ser, a longo prazo, extremamente prejudicial e contribuir para a perda de performance dentro da empresa. E por esse motivo, é comum vermos os profissionais mais preocupados com a vida fora da empresa. Sobre a grande quantidade de reuniões, é necessário saber transmitir bem as informações para o resto da equipe, pois ao demorar a repassar as informações para a equipe, o executivo cede espaço para boatos e versões paralelas dentro da empresa. Vale lembrar que a maioria dos desligamentos hoje em dia, ocorre por erros de comportamento, e não pelo desempenho técnico na função.
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.