O valor do "quase"

O "quase" tem um valor extraordinário para a vida das pessoas, só depende de como cada um o diz.

As pessoas, geralmente, veem o “quase” como algo negativo.

“Nossa, quase terminei; quase acertei, quase cheguei lá...”.

Nesse sentido, ele é catastrófico mesmo.

Mas, o termo quase, é fantástico, se bem usado.

É maravilhoso um depoimento quando alguém diz: “Nossa, não sei como segui em frente, mas, quase desisti”, ou, “estava quase deixando de ir, mas, fui e foi maravilhosa a viagem”.

Como QUASE tudo na vida, depende da sua ação. Se ela tem continuidade, na imensa maioria das vezes, vai gerar resultados positivos. Se a ação tem paralisia, estagnação, de algo que deveria ter continuidade, ela será péssima.

Eu adoro o QUASE.

Certa época da minha vida, eu estava sem emprego, e meu primeiro filho havia nascido. Foi um tempo complicado, e, depois que arranjei trabalho, ganhava pouquíssimo. Um dia, eu fui com ele numa mercearia, comprar alguns produtos básicos. Eu tinha R$15,00 no bolso.

Peguei o básico e coloquei na cestinha. Fui somando e quando deu R$14,96 eu parei de comprar. Ainda ficou faltando muita coisa, mas, o extremamente necessário eu comprei. Repentinamente, o Paulinho soltou minha mão, foi até uma gôndola, e pegou um pacote de bolachas recheadas e colocou na cestinha junto ao caixa da mercearia. Eu olhei para ele, olhei para a bolacha, olhei para o caixa, olhei de novo para o Paulinho, retirei o pacote de bolacha, e devolvi na prateleira. Naquele momento, eu era um pai miserável, que não tinha capacidade de comprar um pacote de bolachas para seu filho.

Bem, você pode pensar o que isso tem a ver com o quase.

EU QUASE DESISTI, e isso foi ótimo. Graças a Deus eu fiquei no QUASE, e o usei de maneira correta. Se hoje eu contasse assim: “EU QUASE SEGUI EM FRENTE”, provavelmente eu ainda não teria como comprar um pacote de bolachas (e olhe que hoje são três meninos já...rss).

Vejo vendedores hoje dizendo “QUASE VISITEI AQUELE CLIENTE”, depois que alguém vendeu para o cliente. Seria ótimo se ele dissesse “QUASE QUE NÃO FUI VISITAR O CLIENTE, MAS, COMO FUI, ELE COMPROU”.

Gerente que dizem “QUASE ELOGIEI MEU COLABORADOR”, também “QUASE” atingirão suas metas. Já, os que dizem “QUASE DESISTI DE ELOGIÁ-LO, MAS, APÓS O ELOGIO QUE FIZ, AS VENDAS DELE AUMENTARAM E MUITO”.

Eu quero que você use o QUASE a seu favor. Então, quando for desistir, lembre-se de que tipo de frase vai querer elabora com o QUASE. Se “QUASE DESISTI”, ou “QUASE CONTINUEI”.

Isso fará uma tremenda, gigante diferença na sua vida.

Faz sentido isso para você, ou QUASE FAZ?

Um beijo no seu coração, fique com Deus, sucesso e felicidades sempre.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento