O que eu aprendi na faculdade?

Certamente a formatura é o momento mais esperado por todo estudante de graduação. E com certeza foi duro e suado chegar lá. Enfim chega “o dia seguinte”. O momento de olhar pra trás e refletir o que foi feito e o que será daqui para frente

Certamente a formatura é o momento mais esperado por todo estudante de graduação. Aquele momento de festa com os amigos e familiares em que você se sente realizado e feliz. E com certeza foi duro e suado chegar lá. Enfim chega “o dia seguinte”. O momento de olhar pra trás e refletir o que foi feito e o que será daqui para frente. Eu me formei em Administração de Empresas, com um toque de Administração Pública, pela UFRuralRJ. Tive excelentes mestres e doutores, que me ensinaram belissimamente a parte técnica, sempre me orgulharei da minha universidade e da minha graduação de ponta. Mas o que eu aprendi na faculdade foi muito mais do que um conteúdo técnico!

Na universidade que hoje recebe o maior número de bolsas de assistência e tem o maior número de discentes carentes financeiramente, aprendi que todos podem e devem ter oportunidades, que a história individual de cada um deve ser entendida e valorizada. Aprendi que a educação revoluciona e salva famílias. Tive certeza de que a desigualdade social é gritante no Brasil, mas que é incrível o poder de transformação que pode ocorrer quando ditos ricos e pobres estudam, se divertem, brincam e comem nos mesmos lugares, a troca de experiências enriquece a todos, é mágico.

No convívio com os amigos e em projetos de pesquisa com servidores, aprendi que não existem “pessoas que não querem nada com a vida”, mentira. Existem pessoas certas no lugar errado, basta oferecer uma chance na área pela qual ela se motiva, e é incrível o resultado. E muitas vezes sequer sabem qual a sua “missão pessoal”.

Aprendi nas representações estudantis que a “interdisciplinaridade” é essencial, não se entende e impacta o seu mundo sem entender o que se passa ao seu redor. É tentar entender como vivem as pessoas na sua sociedade, suas dificuldades, e perceber que ajudá-las também te engrandecerá. Entendi também que as pessoas querem ser ouvidas e participar dos processos que as atingirá, e por que não ser o responsável por dar voz a elas?

Com as dificuldades de uma universidade pública, tive mais do que nunca a certeza de que resultados aparecem se você correr atrás, explorar, batalhar e tiver uma rede forte de boas pessoas.

Com tantas oportunidades, onde me juntei a tantas histórias vindas de outras cidades, estados e países, tenho hoje a certeza de que sou um profissional muito mais preparado para lidar com o mercado, alguém mais humano. Afinal, para que trabalhar se não para construir uma sociedade mais justa e melhor?

E fica aqui meu convite para todos os que hoje estão em uma graduação. Envolva-se com a sua universidade, experimente ao máximo sua faculdade, conheça e explore o que não está sendo oferecido facilmente, entenda tudo o que acontece.

Mais do que graduar, me formei.
E você, o que anda fazendo na universidade?

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento