O passo número 10

O difícil, em todas as situações, não é o passo 10, mas sim, o primeiro passo.

O passo número 10 é o lugar, o sonho, o objetivo que queremos atingir.

Diante dos fatos, da situação em que nos encontramos, em cada momento, na imensa maioria das vezes, senão em todas, nós sabemos qual o próximo passo deveríamos dar. O problema é que gastamos muito tempo pensando, sonhando em como seria maravilhoso estarmos no passo dez, porém, não temos a coragem, a ousadia, de darmos o passo número um.

É como a pessoa que quer entrar para a faculdade de medicina. Cursar essa que ainda é uma das mais concorridas e desejadas formações universitárias, é o passo dez. Ela sonha em cursar, vive prometendo que um dia fará o curso de medicina. No entanto, para que isso se torne realidade, a pessoa sabe que precisa dar o primeiro passo, que, talvez, seja economizar o suficiente para pagar um cursinho pré-vestibular, ou se o problema não for financeiro, apenas deixar algumas diversões de lado para se dedicar aos estudos.

Quem quer uma promoção na empresa, que é o passo dez, fica furioso quando não consegue dar esse passo, sem perceber que, para que seja possível chegar até ele, terá de ser mais comprometido, doar mais de si mesmo aos negócios e à carreira.

O vendedor, a vendedora que tem como passo número 10, o desejo de comprar a casa própria, se frustra a cada trinta e um de dezembro que chega, pois, no dia primeiro de janeiro do mesmo ano, prometeu novamente que compraria. Contudo, se esqueceu de dar o primeiro passo, provavelmente, que seria ter estudado mais sobre vendas, seguido do passo dois, que era ter prospectado mais clientes, atendido melhor os quais já possuía, ou, quem sabe, ter focado de maneira otimista na melhora da economia, e não na crise.

A moça pobre que quer ser advogada, por seu próprio desejo, mas, também, para que seus pais, filhos, cônjuge, sintam ainda mais orgulho dela, talvez esteja paralisada no desejo, sem conseguir dar o primeiro passo, que é ter mais fé em si mesma, ou parar de dar tanta importância a quem desacredita dela, e seguir o fluxo da vida, um passo por vez, até postar uma foto com seu diploma e sentir-se realizada.

O moço humilde, trabalhador, que ganha pouco, e não consegue ajudar quem tanto ama, tem como passo dez, o desejo de mudar a realidade. Contudo, para que isso aconteça, está ciente de que precisa, quem sabe, deixar a vila simples, e partir para um bairro, cidade, estado maior, e empreender firme suas convicções de que não nasceu para ser menos do que um executivo importante.

Quem está preso num trabalho enfadonho, sem desafios, e que ainda gera pouco rendimento, tem no passo 10, a vontade ardente de entrar noutra empresa ou em outro seguimento, que lhe faça brilhar os olhos, resgatar aquela motivação para realizar grandes projetos. Todavia, seu passo um, pode ser poupar o suficiente para se manter no tempo entre sua saída e o novo trabalho.

A mulher que vive sufocando seus sonhos profissionais, em razão de ter se doado à família, mas, ninguém a valoriza, tem no seu passo 10, o desejo ardente de sair desse casulo e mostrar ao mundo suas habilidades profissionais, e não apenas sua competência como mãe e dona de casa. No entanto, tem de estar ciente de que o primeiro, e grande passo, pode ser contar seus sonhos a todos, e caso não receba apoio, o segundo passo é jogar tudo para o alto e ir em busca da sua real felicidade. Geralmente, com essa coragem, o apoio virá, e se não vier, ela continuará sendo a melhor mãe e mulher do mundo.

O empresário cujo passo 10 é abrir filiais, talvez dezenas delas, gerando mais empregos, renda e lucro, só não vai cumprir essa missão, se ficar paralisado, com medo de dar o passo 1, que pode ser aprender a gerenciar seus recursos, fazendo os investimentos se multiplicarem, em vez de gastar com aquilo que só alimenta seu ego, e não sua conta no banco.

A pessoa que sonha com uma relação daquelas dos contos de fadas, onde o amor é sublime, o respeito e a admiração são constantes, que todo fim de tarde um está à espera do outro, para se abraçarem ali mesmo em frente a pia, sabe que o passo 1 pode ser parar de olhar os defeitos do outro, e passar a enaltecer suas qualidades, ou, quem sabe, ter a coragem de abandonar quem só lhe faz mal, ignora, rebaixa. Mesmo que doa, esse passo é necessário para se chegar ao número 10.

Ou, simplesmente a pessoa que tem o desejo de entrar naquela lingerie linda da vitrine - passo dez -, que chega a colar fotos no espelho do quarto, de quando tinha 53kg, tamanho é seu sonho em retornar a boa e velha forma física. No entanto, se esquece de dar o passo um, que pode ser, por exemplo, parar de comer tantos doces, ou vencer o sedentarismo do sofá.

O difícil, em todas as situações, não é o passo 10, mas sim, o primeiro passo.

Nós quase sempre sabemos que o passo número 10, só será possível de ser dado, se dermos o passo número 1, e em seguida, o 2, 3, 4... É a distância entre o passo 1 e o 10, que é o vazio que precisa ser atravessado. Sem essa atitude, vamos ficando cada vez mais distantes de onde mais adoraríamos chegar, seja um lugar, uma posição, enfim, um sonho, um objetivo.

E aí, qual é o seu passo número 1? Quando vai dá-lo? Afinal, o número 10 eu tenho certeza de que sabe qual é, e ele está esperando por você, mas precisa começar pelo primeiro.

Forte abraço, fique com Deus, sucesso e felicidades sempre.

Prof. Paulo Sérgio
Empresário e Palestrante

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento