O modelo gestao publica

Assistindo a palestra de umas das administradoras de uma cidade satelite do DF ,comecei a pensar em um modelo ideal e eficaz de administracao publica.A palestrante falou por mais de uma hora ,sem no entanto apresentar o modelo que desse certo .Foi ai que levantei o dedo e pedi a pergunta .Perguntei qual seria o modelo ideal ,ela meneando a cabeca ,respondeu que se deve ter um 'modelo ideal' e sim faze-lo funcionar de forma a atender a necessidade da comunidade . Concordo ,mas em parte ,ate porque um modelo de gestao publica nao deve ser aleatorio ,nao se pode escolher na base da irresponsabilidade como muita gente faz por esse pais a fora.Deve instalar um modelo de gestao analisando tres pontos fundametais .O retorno que deve ter (na comunidade ou nos cofres publicos), ele precisa resolver os problemas daquela comunmidade ,terceiro e ultimo ,deve provocar na comunidade o interesse por ser ela a resposanvel por faze-lo dar 'certo'.Ou seja ,provocou a cidadania plena . Olhando para a Biblia ,encontrei um modelo que deu certo para uma gestao publica eficiente .Trata-se do episodio narrado no livro de Neemias.Neemias chegou a ser governador daquela cidade (Jerusalem) em tempo muito dificil ,o tempo em que estavam despatriados ,sua cidade sem os muros que lhe garantiriam seguranca e boa parte da populacao em terras estrangeiras e desejosos de voltar . O modelo de gestao publica que o lider impregnou foi o que determinou o sucesso do pais . Para saber que modelo foi esse ,leia o livro de Neemias. Ricardo Santos -DF estudante calouro de Administracao no DF ,estudante do 3 semestre do curso de Teologia no IBADET,atua em entidade social desde o final do ano de 2005 ,e tambem como observador para o conselho politico da CGADB na Camara dos Deputados.
ExibirMinimizar
aci baixe o app