Café com ADM
#

O agronegócio e sua complexidade.

Os novos títulos. Por meio do texto abaixo podemos perceber que o agronegócio não é simplesmente a produção no campo e a venda desse produto é muito mais complexo que isso, o texto mostrará o quanto o agronegócio esta ficando complicado e difícil de se administrar e de se analisar, pois surgem inúmeras transações financeiras para uma melhor liquidez e transparência das transações. Mas isso não impede de dizer que o agronegócio é um mundo fascinante e de suma importância para o nosso país onde o agronegócio é o responsável por quase a metade do PIB do país. Todo ano o crédito liberado pelo governo para custear as safras agrícolas mesmo que crescente ainda continuam insuficiente, pois a uma demanda por dinheiro muito maior, só pra se ter uma idéia a safra 2004/05 teve um crédito R$ 10,75 bilhões para os programa de investimentos e pouco menos de R$36 bilhões para o chamado crédito de custeio de capital de giro, no entanto considerando apenas a agropecuária há uma demanda por 99bilhões a diferença tem de ser custeada pelos próprios agricultores ou financiamentos pelas industrias de insumos agrícolas, cooperativas, exportadores, dinheiro que custa cerca de 25% ao ano para os agricultores. Para resolver esse e outros problemas o governo desenvolveu novos títulos para o financiamento do agronegócio e foram denominados nas seguintes siglas: veja alguns deles CDCA Certificado de Direitos Creditórios Do Agronegócio LCA Letras De Crédito Do Agronegócio CRA Certificado De Recebíveis Do Agronegócio CDA Certificado de Depósito Agropecuário Cada título desses é lançado exclusivamente por um elo do agronegócio ex: (LCA)-,instituições financeiras, bancos e cooperativas de crédito emitem letras de Crédito Agrícola assim o investidor vai saber quem lançou e vai poder calcular os riscos. (CDCA) emitido pela cadeia produtiva do agronegócio, ou seja, por todas as empresas, armazenadoras, comerciantes, processadores exportadores, indústrias de insumos, indústrias de máquinas, equipamentos e cooperativas de produção agropecuária; mas não pode ser emitido por produtores rural esse lançam as CPR cédula de Produto Rural que significa um produto q será entregue no futuro. (CRA) que será emitido exclusivamente por empresas de securitização, as chamadas empresas de Propósito Específico, que tem, portanto, a finalidade única de emitir esses papeis e coloca-los no mercado. Uma cooperativa como a Coamo, por exemplo, além de poder emitir CDCAs, já que é agente da cadeia produtiva do agronegócio, pode também criar uma Coamo Securitizadora. A empresa entrou numa crise financeira, mas os recebíveis que ela tinha colocado na securitizadora foram liquidados e recebidos pelo investidor sem prejuízo algum. A securitização acaba ficando administrativmente mais cara, mas um nível de segurança maior ao investidor. (CDA) que é uma garantia que representa que você tem tantas sacas de milho por exemplo vendidas e é adquirido pelo investidor do mercado financeiro que compra esse título e vende com a taxa de juros e assim obtendo o lucro Pode-se concluir que esses títulos farão com que o mercado fique mais transparente, pois diminuem os riscos das operações e além disso não há a incidência de impostos Como o certificado é uma promessa de entrega, não um produto, pode ser negociado, tocar de mãos, sem que haja incidência de impostos.. esses novos títulos proporcionam vendas asseguradas para o produtor e compras planejadas para as industrias como por exemplo os frigoríficos .Esse tipo de negociação é uma forma de suprir a necessidade de financiamento que o mercado do agronegócio vem sofrendo. Contudo não é qualquer um que poderá fazer esse tipo de negócio pois envolve muito dinheiro há muitos gastos por parte das empresas para que todas as transações ocorram corretamente. Então ai surge uma série de perguntas caros leitores: ex Se cada ano que passa o agronegócio vem se tornando mais e mais complicado e difícil de se administrar com eficiência, e os gastos cada vez, maiores será que o pequeno produtor, as pequenas empresas terão chances para sobreviver nesse mercado extremamente volátil? E o papel do administrador em agronegócio fica onde nessa história ? Pense nisso!
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.