Motivação e liderança: líder inspirador, equipe produtiva

Muitas vezes só percebemos que não estamos desempenhando bem nosso papel quando chega à fase mais crítica da situação, quando a palavra não tem mais crédito e sua equipe não quer ou não consegue caminhar com a mesma entrega e intensidade como no começo do projeto (seja qual for). Então chega a fase da decisão, abandonar tudo e carregar a frustração na bagagem da vida, ou refazer seu caminho para mudar esta situação. O papel do líder é inspirar e motivar seus parceiros de forma apaixonante em busca dos resultados esperados

O papel do líder é muito além de delegar funções, gerenciar conflitos e planejar ações, é inspirar e motivar seus parceiros de forma apaixonante em busca dos resultados esperados.

Muitas vezes só percebemos que não estamos desempenhando bem nosso papel quando chega à fase mais crítica da situação, quando a palavra não tem mais crédito e sua equipe não quer ou não consegue caminhar com a mesma entrega e intensidade como no começo do projeto (seja qual for). Então chega a fase da decisão, abandonar tudo e carregar a frustração na bagagem da vida, ou refazer seu caminho para mudar esta situação.

Despertar motivação para sua equipe vai muito além de fazer centenas de reuniões, mostrando vídeos inspiradores ou e-mails gigantescos segunda-feira e terminar a semana sobrecarregando a equipe de cobrança e exigências, é como o amor, vem de dentro para fora de forma natural e não imposta.

A primeira pergunta que precisamos fazer como líderes: Sua equipe quer fazer algo com você?

Se a motivação de seus liderados de fazer algo com você é somente a remuneração financeira e nada além, está errado! Farão suas funções do jeito estabelecido e cumprirão os prazos, sem paixão, sem entrega “somente o combinado”. Mas quando o líder respira o sonho e direciona este objetivo para a equipe, participando dos processos, orientando, ensinando e distribuindo funções de forma equilibrada e estratégica, respeitando as habilidades e necessidades de cada um, ficam mais leves as cargas do processo e todos entendem que são importantes para o resultado final, irão buscar fazer mais que o esperado.

Seja qual for seu projeto, você tem um time, onde cada um oferece o que tem para trabalhar, por exemplo, existem pessoas que agem somente sobre delegação, outras já conseguem ter iniciativa de resolver problemas sem a presença física do líder, então entra o “olhar clínico” para colocar cada um em um processo específico.

Outra atitude que um líder deve ter é ser “educado”, um simples BOM DIA pode mudar o ambiente de uma equipe, lembremos que estamos trabalhando com pessoas, que muitas vezes não tiveram uma noite boa e quando são desprezadas novamente pela manhã, já bloqueia qualquer vontade de criar e fazer, teste ser mais acessível e as relações com sua equipe serão fortalecidas.

A segunda pergunta que precisamos fazer como líderes: Sua equipe quer estar com você?

Lembra-se daquela frase: “Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”?

É bem assim que muitos líderes agem, não cooperam, não cumprem prazos e horários, colocam uns contra os outros, depois transmitem esta carga nas costas da equipe se isenta de qualquer responsabilidade, gerando um ambiente de trabalho totalmente desregulado e desmotivador.

Seja exemplo, se esforce para ser um espelho limpo para que sua equipe possa se projetar em suas atitudes, não cobre aquilo que você não faz, quando as pessoas sabem com quem está trabalhando, certamente vão querer estar com você antes e depois dos projetos.

Tenha uma liderança participativa, não centralize todas as decisões somente em você, desenvolva a habilidade de ouvir, aceite opiniões e críticas, quando sua equipe participa das ações e analisa seus próprios resultados, fica muito mais fácil cobrar mais entrega nos próximos projetos.

O que inspira sua equipe é você como ser humano não somente o profissional tente equilibrar a razão e a emoção na hora de cobrar ou elogiar, assim a gestão de pessoas e de processos serão mais efetivas e os resultados excelentes!

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento