Menu do dia: comunicação

Eu, como profissional de comunicação, naturalmente enxergo mais oportunidades de melhor comunicar do que outras pessoas. Mas, não me conforma o fato de empresários não enxergarem que a comunicação com os seus clientes é de extrema importância para a manutenção do negócio. Não é preciso ser comunicador para saber que precisamos falar com os consumidores.

Em tempos de redes sociais e internet acessível e literalmente na palma da mão de todos, torna-se tão mais simples estar onde o nosso cliente está. Um exemplo claro disso é o segmento de alimentação. Além do fato de os empresários não saberem utilizar as redes, pois não investem alguns minutos em ler como cada uma delas funciona (hoje em dia tem tudo explicado na internet, a um clique), quando há páginas dos estabelecimentos, são subutilizadas. Restaurantes, não raro, fazem perfis no Facebook no lugar de páginas. Isso, além de amador, é proibido pelas normas dessa rede social. É preferível que se faça uma página, pois perfis devem ser utilizados apenas por pessoas físicas. A página do estabelecimento pode ter um post por dia, não é necessário encher de conteúdo. Publique conteúdo de interesse do cliente. Um bom começo é o cardápio diário. Parece tolo dizer isso, mas os restaurantes que trabalham com menus diários não se dão conta do quanto a publicação dessa informação poderia não só atrair novos clientes, mas principalmente prestar um serviço a quem já é frequentador!

Muito se fala em tornar o cliente um embaixador da marca. E como se faz isso, afinal?Tratando-o bem, oferecendo facilidades, lembrando-se dele. Acredito que seja um bom começo. Hoje mesmo, ao pensar no meu almoço, lembrei-me de que há dois bons restaurantes ao lado da minha casa. Olhei as páginas de ambos e não encontrei o cardápio do dia. Tive de deixar um comentário perguntando. Isso acontece com tantos outros próximos ao meu local de trabalho, todos os dias. Eu sei que os proprietários estão preocupados em deixar tudo pronto, em organizar a cozinha, o atendimento, e que nem sempre há uma pessoa disponível para atualizar as redes sociais, mas, essa é uma atividade tão simples e que pode trazer tanto retorno. Como seria bom saber, ali pelas 10 horas, o que meus restaurantes preferidos vão servir no almoço do dia! Certamente eu recomendaria eles ainda mais para a minha rede de contatos. Outra coisa simples: os preços. Disponibilizem os preços em seus sites, redes sociais! E também na entrada dos restaurantes. Fiquei surpresa ao ver que em Lisboa, Madri e Barcelona essa é uma praxe na maioria dos restaurantes. Porque não fazer isso?

Facilitar a vida do nosso cliente não pode ser algo que saia do nosso alvo, tampouco pode ser encarado como uma atividade que nos atrapalha, que nos estorva. Deveria ser a nossa rotina.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento