Jamais desista dos seus sonhos

Fico angustiado em saber quantas pessoas abandonam e desistem dos seus projetos de vida. Para mim, que tenho como missão ajudá-las a serem bem-sucedidas na vida e nos negócios, é muito triste vê-las engavetando sonhos. Imagine o que elas sentem, não é?

Jamais desista dos seus sonhos.

Uma das maiores tristezas do ser humano é quando ele abandona algo que vale à pena. Algo em que ele deveria ter apostado todas as suas fichas, mas não apostou.

Fico angustiado em saber quantas pessoas abandonam e desistem dos seus projetos de vida. Para mim, que tenho como missão ajudá-las a serem bem-sucedidas na vida e nos negócios, é muito triste vê-las engavetando sonhos. Imagine o que elas sentem, não é?

Várias são as razões pelas quais as pessoas tomam a decisão de desistir, parar, deixar de sonhar, fechando a gaveta dos projetos de vida, que emperra e dificilmente se abre novamente, a não ser quando decisões e atitudes novas são tomadas.

Três delas são as que mais tenho percebido que contribuem para esse aborto de sonhos:

1 - Elas tentaram várias vezes e não deu certo.

A maioria das pessoas tem em mente que, se tentar uma, duas, três vezes algo, e se isso não der certo, é hora de parar. Mas, sabemos que não é assim. Algumas coisas é preciso muita, mas muita persistência. Realmente é frustrante concluir que já fizemos tudo para dar certo, mas, não deu. E é essa frustração, que se junta com o medo de não dar certo de novo, que faz com que boa parte de quem começa um projeto, desista dele.

Uma amiga minha é muito estudiosa, adora aprender. O seu sonho é ser diretora de escola pública. Ela tem um conhecimento incrível sobre o tema de diretoria, e fez até mestrado na área para desenvolver um belo trabalho. O problema é que ela já tentou diversas vezes ser promovida à diretora, e, sempre esbarrou em questões, segundo ela, políticas. Hoje, infelizmente, ela desistiu desse seu sonho.

Tenho certeza que você também conhece pessoas que estão abandonando seus projetos de vida porque tentaram algumas vezes e não deu certo. Talvez, você mesmo já tenha passado ou está passando por isso, e é muito ruim, não é?

2 - Elas se acham velhas demais.

Outra razão pela qual as pessoas emperram seus sonhos, seus projetos, é porque acreditam que o tempo delas já passou. Se acham velhas para recomeçar os estudos, para concluir a faculdade, para ingressar numa pós-graduação, mestrado, para abrir um negócio próprio ou para galgar um cargo melhor na empresa em que trabalham.

Essas mesmas pessoas vão se achando velhas para tudo, e seguem com o mesmo pensamento para os relacionamentos, afirmando, convictos, de já não têm mais idade para se apaixonar de novo, de ter filhos ou adotá-los. Com ideias assim, se conformam, e cada vez mais deixam de "engraxar" as dobradiças da gaveta dos sonhos, que fica mais e mais emperrada.

Quem já passou dos trinta, e nunca disse que já está velho para algo? Provavelmente você já fez isso, mas, agora é horar de parar com essas ideias, e retomar o que ficou engavetado, que faz sua alma vibrar de felicidade só de pensar em realizar.

3 - Entraram numa relação e vivem só para ela.

Sim, muita gente casa, e acredita que precisa se anular em função um do outro. Por exemplo: a mulher casa, tem filhos, e passa a viver apenas para o marido e o filho, abandonando seus sonhos de vida pessoal e profissional. Outras vezes, um dos dois para de estudar, ou ambos param, porque um, ou os dois, são muito ciumentos, então é melhor ficarem em casa, sempre juntos, do que irem para faculdade ou colégio, mas, terem brigas seguidas ao retornarem. Ledo engano, as brigas de casais assim vão acontecer de qualquer jeito e por razões banais. Nem mesmo pelo grande amor da sua vida vale à pena abandonar seus sonhos, até porque, se for seu grande amor, ele vai ajudar você a realizar o máximo de sonhos que tiver.

Por isso, você precisa saber que existem muitas soluções para que não abandone seus sonhos e projetos de vida. Sempre há uma saída para quem quer, de verdade, promover mudanças e desemperrar a gaveta dos sonhos.

A primeira coisa a fazer é deixar o medo dos erros de lado, das vezes que não deu certo, e aprender com tudo isso. Todo mundo erra, mas só os vencedores conseguem tirar boas experiências e evoluir com os erros, transformando-os em lições.

O importante é não desistir por causa disso. Talvez, tenha apenas de mudar o caminho, algumas atitudes erradas que tomou enquanto tentava realizar seus projetos. Quem sabe precise mudar até de sonho, criar outros sonhos, mas, sem jamais parar de sonhar simplesmente porque deu errado uma ou mais vezes. Às vezes, faltou energia para que o sonho se realizasse. Mesmo quando achamos que demos tudo o que podíamos, sabemos que, lá no fundo, poderíamos ter ido além.

É muito triste olhar pelo retrovisor da vida e se lamentar por não ter se arriscado, se jogado de cabeça em algo que vale à pena. Você não pode contar essa história para seus filhos e netos. Sua história precisa ser a de quem realizou seus sonhos.

A segunda decisão é para de se achar velho ou velha demais. Não existe idade para se realizar como pessoa, como profissional. Claro que, algumas coisas que você faz com vinte, trinta anos, não conseguirá realizar com sessenta. Mas isso não é problema, pois é só criar outro projeto. Se você tinha um sonho de ser jogador de futebol, mas, já passou dos quarenta e não deu certo, o que impede você de se tornar técnico de times de futebol? Ou um professor de educação física, que pode cuidar de dezenas, centenas de aspirantes a jogador? Para quem não desiste, às vezes, o sonho só muda de cara, mas dá o mesmo ou um prazer maior, em ver o sonho realizado através de pessoas que temos carinho e apreço.

E, a terceira coisa a ser feita, é se esbaldar na sua relação, seja ela do jeito que for. Um relacionamento é a união de duas forças, e não a anulação de uma delas em prol da outra. Não importa o formato do seu relacionamento, aproveitem as diferenças, se respeitam, ajudem-se mutuamente. Claro que há uma encrenquinha aqui e ali, mas isso é normal, e, se bem gerenciada, dá até um temperinho especial ao relacionamento.

Se você está com quem ama, tudo vale à pena enquanto amor, respeito, e os sonhos, andarem juntos. Se tiver filhos, curta eles, aproveite-os, cuide deles, dê a sua vida por eles. Porém, isso jamais deve significar abandonar para sempre seus sonhos. Pode até significar adiá-los, guardá-los para daqui a pouco, contudo, nunca os abortar.

Os filhos devem dar um estímulo para você concluir seus projetos, retomar aqueles que estavam engavetados, e não serem uma parede, uma barreira que impede você de chegar aonde sempre quis.

Motive-se. Vai lá, abra o armário e a gaveta onde estão seus sonhos. Vou adorar saber que você retomou um projeto da sua vida, sua família vai amar saber disso. Se surgirem pessoas questionando você, dizendo que é para você desistir, parar com isso, dê as costas, e compre um espelho para elas, e diga para maltratarem a pessoa que aparecer no espelho, e não você. Esse tipo de gente, que adora prejudicar quem sonha, devem viver frustradas, são mal-amadas, e provavelmente tem um carro velho, que nem IPVA paga mais, e não porque é relíquia, mas porque é velho mesmo. Como abandonaram os próprios sonhos, querem secar o pé-de-arruda da gente!

Confie no seu taco. Tente mais uma vez, você não está velho, e precisa dialogar com as pessoas íntimas a você para um ajudar ao outro a se aproximar cada vez mais dos sonhos que valem à pena.

Mantenha contato comigo se meu artigo ajudou você. Vai ser uma honra receber uma mensagem sua no meu WHATSAPP - 42-9913-2888.

Grande abraço, fique com Deus, sucesso e felicidades sempre.

Professor Paulo Sérgio

www.professorpaulosergio.com.br

ExibirMinimizar
aci baixe o app