Gestão do tempo

Em muitos momentos deixamos de fazer o que gostamos por falta de tempo e acabamos por observar que existem pessoas que possuem rotinas parecidas com as nossas e fazem o que querem, mas ai surge uma pergunta, “O tempo daquele indivíduo é maior que o nosso?”

Hoje vamos falar um pouco sobre gestão do tempo, mas o que é de fato a gestão do tempo? De certo modo gerir o tempo é determinar o que podemos fazer dentro de um período de tempo, porém muitas vezes não conseguimos fazer o que foi estabelecido, mas sim o que deu tempo de fazer, ou seja, o tempo nos gerencia quando na verdade nós deveríamos gerenciá-lo, afinal nós somos os donos de nosso tempo.

Em muitos momentos deixamos de fazer o que gostamos por falta de tempo e acabamos por observar que existem pessoas que possuem rotinas parecidas com as nossas e fazem o que querem, mas ai surge uma pergunta, “O tempo daquele indivíduo é maior que o nosso?”, obviamente não, todos nós temos 24 horas por dia, sete dias por semana e assim por diante, portanto se estamos deixando de fazer algo que gostaríamos de fazer é por falta de gestão do tempo.

Para realizar uma gestão eficaz é preciso planejar seu tempo e dentro disso estabelecer e saber diferenciar o que é importante fazer do que é desnecessário, pois muitas vezes perdemos tempo fazendo coisas que não agregam valor, quando na verdade deveríamos estar ocupados com outras mais produtivas, tanto em nossa vida profissional quanto pessoal. Acabamos dizendo “sim”, quando na verdade a vontade era dizer “não”, muitos de vocês já devem ter visto o filme “Sim Senhor” com o ator Jim Carrey que sem dúvidas é um dos melhores atores da comédia. No filme o ator interpreta Carl, um cara que sempre dizia não pra tudo, mas certo dia participa de um programa de auto-ajuda que tem como doutrina dizer sim em qualquer situação, após participar de uma reunião do grupo o mesmo acaba adotando essa doutrina, porém, com o tempo ele percebe que deixa de fazer coisas que são importantes para ele para fazer o que não queria.

Contudo é possível afirmar que na vida não devemos aceitar todos os convites que nos são feitos, por outro lado também não podemos viver como “Carl”, recusando tudo o que aparece, o ideal seria o meio termo, devemos aprender a fazer escolhas, devemos saber aproveitar nosso tempo, seja no trabalho ou na vida pessoal, todos nós conseguimos fazer o que é importante para nós, se a sua vontade é passar um tempo com a família, namorada ou amigos é simples, é preciso planejar como você irá gastar o tempo e acima de tudo saber gerenciá-lo. Espero que tenham gostado do artigo. Abraço.

ExibirMinimizar
Digital