Franchising e empreendedorismo

Estamos em um ano muito particular, aliás, acho que ainda não tinha visto um período com tamanha descrença de um determinado número de pessoas da população empreendedora

Estamos em um ano muito particular, aliás, acho que ainda não tinha visto um período com tamanha descrença de um determinado número de pessoas da população empreendedora. Claro que momentos assim, trazem alguma insegurança para as pessoas em vários aspectos, no entanto, chamo atenção para que se existe um crescimento médio de “zero”, o que na verdade não é crescimento, existe para compor esta média alguém com “+10” e alguém com “-10”. Oras, então existem alternativas, existem mercados que continuam tendo muitas oportunidades.

Quando analisamos isso dentro do segmento de franchising, temos taxas que descolam do cenário geral, promovendo uma expectativa de realização de negócios muito interessante. Tive a oportunidade este ano de lidar com que me disse que não perderia a chance de aproveitar este momento para negociar melhor e investir, pois sabe que a crise vai passar, afinal, já passamos por tantas outras. Em contra partida, houve quem dissesse que não iria abrir sua loja em função da falta de água!

Pessoal, a roda não vai parar. Estamos sim em um momento delicado, que requer eficiência nas operações, que requer austeridade e emprego mais adequado possível de recursos, mas que acima de tudo, requer muito trabalho e aproveitamento das oportunidades.

Estamos há alguns anos entre os países com mais marcas franqueadoras no mundo, temos a maior rede de lojas de cosméticos e perfumarias do planeta, temos a maior rede de lojas de chocolates do planeta, ambas crescendo através do sistema de franquias. O mercado de ensino profissionalizante e de idiomas é gigantesco; com as recentes mudanças o mercado de serviços no que diz respeito a domésticas e afins, abre um horizonte muito grande!

Atualmente, temos a propriedade de dizer que temos um sistema de franquias maduro, claro que com muita coisa para acontecer, mas muito diferente e sério em relação ao início do sistema, quando existiam os que se aproveitavam do franchising para alavancar seus negócios sem se preocupar com a perenidade do sistema e principalmente sem se preocupar com o futuro do franqueado.

Quero trazer aqui, com pragmatismo e realismo, uma visão de que existem oportunidades, existem perspectivas. Que ousar, quem souber onde quer chegar alinhará suas velas e fará seus próprios ventos.

Bons negócios!!!

Publicado originalmente em http://www.suafranquia.com/artigos/gurus/franchising-e-empreendedorismo.html

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento