Financiamento coletivo: como fazer marketing com essa ideia?

Quando falamos em financiamento coletivo a primeira coisa que vem à cabeça é que essa é uma maneira de colaborar solidariamente com uma ideia, contribuir com o impulsionamento de uma startup ou apoiar um projeto interessante. Mas será que é tudo pela boa ação?

As marcas mais exploradoras já comprovam que não. Esse pode e deve ser utilizado como uma ferramenta importante de marketing nas ações daqui pra frente. Mas como isso funcionaria na prática? Quais são os impactos positivos de utilizar o financiamento coletivo? Entenda:

1-Crie conexões mais fortes com o seu público

Quando um cliente participa ativamente de uma mudança ou projeto em sua empresa, colaborando em algum site de financiamento, o status dele muda. Ele passa de um simples consumidor para alguém que faz parte do seu sucesso, como um verdadeiro parceiro.

Essa atitude aproxima seu público e faz com que suas ações chamem cada vez mais a atenção dele.

2-Lance e faça testes de produtos

O financiamento coletivo pode ser uma ideia muito positiva no momento de lançar um novo produto ou mesmo testar sua aceitação no mercado.

Essa é uma forma de arriscar novas ideias de maneira consciente e compartilhar com seu público as suas intenções e as expectativas em geral. Quanto mais qualidade tiver a ideia, mais ela ganhará apoio para ser executada. Tudo isso já com o aval dos clientes.

3-Conheça melhor sua audiência

Com o envolvimento nas plataformas de financiamento coletivo, além do relacionamento e teste de mercado é possível conhecer melhor sua audiência, obtendo feedbacks, comentários, sugestões e verdadeiros conselhos. Além disso, é possível ter uma ideia da localização dos seus clientes e captar insights sobre seu comportamento.

Conhecer o que as pessoas valorizam vai fazer uma grande diferença em sua atuação e, para completar, esse é um tipo de marketing gratuito. Então, por que não aproveitar?

Essa ainda é uma excelente maneira de realizar pré-vendas e, inclusive, atrair investidores. Vale a pena lembrar que esse tipo de plataforma é bastante frequentado por jovens interessados em tecnologia, por isso, não se esqueça de analisar e validar a ideia para o seu público específico.

Para saber mais, veja aqui alguns cases de empresas que aproveitaram o financiamento coletivo de maneira original:http://exame.abril.com.br/pme/noticias/financiamento-coletivo-agora-e-estrategia-de-startups

ExibirMinimizar
Digital