Eu não gosto de política

A falta de apreço que o povo brasileiro tem por seu país, quando dizem: Eu não gosto de política, onde está a nossa cidadania?

Escuto essa frase frequentemente de pessoas próximas, e fico imaginando em que país elas estão vivendo, eu fico imaginando o que essas pessoas pensam, acredito que imaginam que o problema não seja delas, mas reclamam quando o preço da gasolina aumenta, reclamam do minúsculo aumento de salário.

Sofremos de um mal muito maior do que corrupção, escândalos, crise, e má administração pública, sofremos de um mal chamado cultura. Qual a porcentagem de pessoas que leem no Brasil? Ah eu não gosto de ler, ah eu só li livros na minha infância e daqueles bem pequenos e com muitas ilustrações, de preferência.

Se você não se interessa o porque o preço da gasolina aumentou, porque o ICMS aumentou, porque o desemprego está aumentando você realmente merece minha salva de palmas, agora dizer que não gosta de politica para simplesmente fugir do seu papel de cidadão e não querer assumir os riscos de ser apontado como um maluco que está revoltado com a situação atual do Brasil, aí você está sendo condizente com aqueles que te manipulam. Não é questão de gostar ou não, é seu dever, é sua obrigação, é parte do seu dia-a-dia se manter informado, consciente da situação. Também sinto ânsia quando leio assuntos designados a Lavo Jato e blá blá blá, mas não posso e não quero virar as costas, não quero ser mais um numero de desemprego, não quero ver mais uma família chorando pela morte do ente querido que morreu por falta de recursos do SUS, não quero ser estatística desse governo lixo, quero ser um número, o número que contabiliza os revolucionários, de quem bate o pé e reclama, que não deixa passar por ser acomodado.

Não acredito em fórmulas mágicas, que mudam esse país, mas acredito em educação, acredito em informação fidedigna, acredito em boas ações, em boas pessoas, acredito em pessoas que também querem o bem desta nação. Nasci aqui e morrerei aqui, não troco de país por achar que minha competência não equivale ao nível deste país, utilizo minhas armas, no bom sentido, para fazer diferente, para tentar mudar a geração que não entende de crise, que apenas entende que sua bicicleta está com o pneu murcho, se o governo lixo não exige que seja ensinado politica nas escolas, ensine você aos seus filhos, aos seus sobrinhos, netos, porque pessoas que alegam não gostar de politica, jamais vão gostar de você, e muito menos da sua opinião. Por isso ensine o que você pode, e mude o que você pode, para quem você realmente acha que vale a pena.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento