Estratégias de marketing nas instituições financeiras cooperativas

É fundamental para o sucesso e continuidade das nossas Cooperativas Financeiras a implantação de um eficaz planejamento e Gestão Estratégica de Marketing

O chamado “Cooperativismo Moderno” teve seu início em 1844, na Inglaterra, através de uma Cooperativa de Consumo. Em 1848, na Alemanha, surge a primeira Cooperativa de Crédito, pela iniciativa de Friedrich Wilhelm Raiffeisen, através de uma Cooperativa de Crédito Rural, modelo que foi trazido inicialmente para o Brasil, através do padre suíço Theodor Amstad, que em 1902 fundou a primeira Cooperativa de Crédito do Brasil e da América Latina, em Nova Petrópolis – RS.

Do ponto de vista histórico e também sob o aspecto legal hoje no Brasil, temos consolidada a nomenclatura "Cooperativa de Crédito", utilizada como denominação padrão para as nossas Instituições, porém, do ponto de vista mercadológico, comercial e das Estratégias de Marketing, corremos o risco de sermos percebidos pelo mercado e até mesmo pelos nossos associados, como uma cooperativa “apenas de crédito” ou de empréstimos, e não como uma Instituição Financeira Cooperativa, completa, capaz de atender plenamente as necessidades e desejos dos seus associados em produtos, serviços e soluções financeiras.

Vivemos hoje em tempos de grandes mudanças e profundas transformações em âmbito mundial. Globalização, acirramento da concorrência, maior acesso das pessoas à informação e conhecimento, um mercado consumidor cada vez mais exigente e seletivo e avanços sem precedentes na área das tecnologias da informação e comunicação, entre outras questões.

Diante dessas mudanças, as empresas em geral e em especial as Instituições Financeiras Cooperativas, precisam adaptar-se rapidamente ao novos cenários econômicos, políticos, sociais e culturais, com forte impacto nos negócios de um modo geral. Tais abordagens, trazem uma nova dimensão e abrangência ao nosso “negócio cooperativo”. As tradiconais Cooperativas de Crédito, precisam adaptar-se ao novo entorno e adotar uma nova postura no mercado atual, como Instituições Financeiras completas, capazes de suprir todas as necessidades financeiras dos seus associados.

Hoje, para sobreviver e crescer dentro do Sistema Financeiro, as Instituições Financeiras Cooperativas devem adotar novos modelos de gestão, com ênfase nas boas práticas de governança, controles internos, profissionalismo e práticas de sustentabilidade dos negócios.

Além dos fatores acima elencados, é fundamental para o sucesso e continuidade das nossas Cooperativas Financeiras, a implantação de um eficaz planejamento e Gestão Estratégica de Marketing, entendido não apenas como publicidade e propaganda, mas como algo muito mais amplo, com o objetivo de intermediar as trocas que ocorrem no mercado, de forma eficaz, rentável e sustentável, para atender às necessidades e desejos dos consumidores, no nosso caso, dos associados, legítimos donos e usuários das Instituições Financeiras Cooperativas.

As Estratégias de Marketing, sob uma visão holística e sistêmica, devem ser utilizadas no dia a dia das nossas Cooperativas Financeiras, como parte da chamada “cultura organizacional”, sempre com o objetivo maior, que é a satisfação dos associados, que é a geração de valor, rentabilidade, solidez e sustentabilidade ao “negócio cooperativo”.

Devemos promover a mudança do nosso modelo mental (Mindset), para uma visão estratégica, holística e sistêmica, de que uma “Cooperativa de Crédito” é uma “Instituição Financeira Cooperativa”, completa, que oferece os mesmos produtos, serviços e soluções financeiras de um banco, mas que é muito melhor que um banco, porque possui essência e natureza cooperativa.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento