Empreendedorismo é...

Empreendedorismo é um movimento educacional que visa construir indivíduos dotados de atitudes empreendedoras e mentes planejadoras<i>

Vasculhei o planeta em busca de uma boa definição para empreendedorismo. Perdi tempo. Diante dessa busca infrutífera resolvi cunhar uma: Empreendedorismo é um movimento educacional que visa construir indivíduos dotados de atitudes empreendedoras e mentes planejadoras. Essa palavra educacional não tem nada a ver com o modelo clássico de educação, aquele que consiste em formar pessoas com muitos conhecimentos e habilidades, mas poucas atitudes. A educação empreendedora que ousei definir não é ligada ao aprendizado, ao transmitir muitos saberes. Ela é muito mais ligada ao ser e fazer do que ao saber. Sobre a importância das atitudes, já disse Peter Drucker: empreendedorismo é comportamento e não traço da personalidade.

Uma falha comum nas definições conhecidas é a de estreitar os horizontes do conceito, associando empreendedorismo apenas ao mundo dos negócios. Na verdade o conceito é amplo e aplicável a todos os sistemas sociais que estruturam a atividade humana. Empreender é uma maneira de viver de forma desafiadora e construtiva. Empreender é um estilo de vida. Além de empresários, podemos ter empreendedores escritores, pastores, padres, pintores, músicos, políticos, professores, policiais e tantos outros. O professor Fernando Dolabela tem essa visão abrangente ao conceituar empreendedor como: alguém que sonha e busca transformar seu sonho em realidade. Esse conceito traz implícita a necessidade de proatividade, de desejo, da busca de um sonho. Não se fala aqui de um sonho espontâneo, desses que temos passivamente enquanto dormimos. O sonho do empreendedor, apesar de íntimo, terá que ser consciente e conduzido. Os principais condutores desse sonho são o espírito de observação, a imaginação fértil, a criatividade e o espírito inovador. Infelizmente o hábito de sonhar acordado parece estar sendo cada dia menos praticado nesses tempos agitados. Costumo dizer que quem não formula o próprio sonho vai acabar fazendo um papel de segunda classe, ou de figurante, no sonho de alguém. A respeito disso escrevi o artigo Paramos de sonhar.

O conceito de empreendedor também traz implícita a necessidade de realização, de dar o primeiro passo, de ir atrás de ferramentas que ajudem na concretização do sonho. Nesse ponto entra a necessidade de desenvolver mentes planejadoras e dispostas a assumir riscos calculados. Isso explica porque o conceito de empreendedorismo é sempre associado ao planejamento. Planejar consiste em colocar sonhos ou visões na tela do computador e tentar estabelecer uma ponte entre o presente, o passado e o futuro. Os grandes eventos são planejados. As viagens espaciais, as novelas da Globo, os grandes shows de rock, as escaladas do Everest são frutos de planejamento exaustivo e detalhado. Nos negócios, o empreendedorismo vem sempre associado a uma metodologia moderna e eficiente de planejar chamada plano de negócio. É uma ferramenta que serve para planejar tanto um carrinho de pipocas como uma fábrica de helicópteros.


Muitos críticos mal informados sobre empreendedorismo dizem que se trata de um modismo, ou de mais uma dessas teorias administrativas passageiras. Eles desconhecem tanto a força intelectual do movimento como a oportunidade de suas idéias nesse cenário de diminuição dos empregos formais. O empreendedorismo já despertou e continua despertando milhares de empreendedores latentes. Com a pedagogia empreendedora fica fácil de forjar intelectos mais preparados para sonhar, inovar, planejar e assumir riscos calculados. Com o ensino do empreendedorismo os talentos empreendedores inatos também serão beneficiados e aproveitados pela sociedade de uma maneira mais rápida, eficiente e produtiva. Esse grande movimento educacional chamado empreendedorismo lança sementes de esperança pelo mundo. Ele é irreversível e ainda crescerá muito.

Eder Luiz Bolson, autor de Tchau, Patrão ! Editora SENAC - (www.tchaupatrao.com.br).


Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    Eder Bolson

    Eder Bolson

    Empresário, fundador de cinco empresas e professor universitário. Engenheiro formado pela Universidade Federal de Santa Maria, RS com mestrado pela North Dakota State University dos Estados Unidos. Sua experiência prática empreendedora é interessante e diversificada. É um estudioso do empreendedorismo que sempre estimula as pessoas a planejarem e implantarem seus próprios negócios. É membro brasileiro da World Future Society. É autor do livro “Tchau, Patrão!” - Editora SENAC.



    café com admMinimizar