Ele usa chuteiras brancas

Assistindo a partidas de futebol nos últimos tempos, observei um fenômeno um tanto quanto interessante, o numero de chuteiras brancas que pode-se observar em uso por jogadores nos mais variados times do mundo. Desde o modesto Pindamonhangaba ao grandioso Real Madrid é impressionante sempre há um ou mais jogadores com chuteiras brancas, ou até mesmo laranja, verde, prateada ..., não importa a cor, mas sempre existe um quebrando o tradicionalismo das chuteiras pretas. Muito se deve a esta, policromia nos gramados, a evolução da fabricação de materiais esportivos e a necessidade de promoção dos jogadores, que a todo instante almejam novos contratos e cada vez mais interessantes do ponto de vista monetário. Mas pode-se observar um outro fenômeno que ocorre a partir do momento que um jogador entra em campo com chuteiras brancas, ele sem querer ou atém mesmo querendo acaba chamando a atenção dos seus adversários para si, é como se ele dissesse cheguei e sou eu que comando a minha equipe, sou o foco da sua atenção é claro que muitas vezes essa atenção é dividida por dois ou três jogadores, mas nunca um time inteiro. Nas organizações ocorre fenômeno igual, quando um ou mais funcionários atraem a responsabilidade de carregar uma equipe, estes jogadores de chuteiras brancas possuem características singulares, como por exemplo uma enorme visão estratégica que proporciona a ele enxergar as jogadas antes delas acontecerem possibilitando a este líder conduzir as ações em busca de alcançar os objetivos traçados pela equipe. Outra característica marcante deste jogadores é o poder de influenciar o comportamento de todos, é impressionante como eles conseguem nas suas mais simples atitudes despertar os mais variados sentimentos nas pessoas, motivando ou desmotivando uma equipe com o piscar dos olhos. Este líder tem em suas mão o poder de gerenciar os talentos, pois garças a sua visão e a sua sabedoria ele consegue verificar as potencialidades e as limitações de cada um até mesmo as suas e a de sua equipe. Mas este líder esta longe de ser perfeito e muitas vezes essa cobrança pela perfeição é o que leva a sua queda, pois a partir do momento que ele chama para si a responsabilidade do time, automaticamente está também trazendo os louros da vitória e os erros da derrota para se. E por não suportar as acusações das derrotas é que muitos líderes caem e voltam a utilizar chuteiras pretas.
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.