Café com ADM
#

E o Natal no comércio ? (Dezembro de 2005)

Estamos em pleno mês de Dezembro, o melhor período para o comércio em geral. Pelo ano econômico que a sociedade brasileira teve, é possível dizer que alem de ser o melhor momento, também é o mais aguardado, pois com o pagamento do décimo terceiro salário, haverá uma injeção de recursos muito importante, pois com o longo período recessivo que houve no decorrer deste ano, o comerciante também terá a oportunidade de buscar um equilíbrio de suas finanças nas vendas neste Natal. Mas, para que isto ocorra é de extrema importância que o comerciante incorpore o "Espírito Natalino", pois o empresariado vive um momento de altíssima competitividade, e só vai ter a chance de comemorar bons resultados neste período, o empreendedor que buscou ter diferenciais de mercado. Muitas pessoas confundem "qualidade" e "atendimento" como os diferenciais, só que nos momentos atuais, estes itens se tornaram obrigações das empresas. Na verdade buscar diferencial é agregar valor ao produto comercializado, ou no espaço de venda, de forma que venha valorizar e encantar o cliente.E o "Espírito Natalino"???? O "Espírito Natalino" está ligado diretamente ao momento em que as pessoas procuram por respeito, paz, admiração, reflexão, solidariedade, ética, profissionalismo, e tantos outros referenciais de qualificação no relacionamento pessoal. È esta energia que os funcionários, colaboradores, clientes, amigos, familiares, enfim... todas as pessoas que estão envolvidas ou se envolveram com sua empresa no decorrer deste ano, esperam receber de forma natural.Alem da preocupação com o melhor mês de vendas, o comerciante tem que se lembrar que é o ultimo mês de 2003, logo terá que fechar o balanço do ano e iniciar o processo de planejamento das ações que serão realizadas no decorrer de 2004, buscando a sustentabilidade e perenidade de seu empreendimento. De olho nos, fatos importantes que vão ocorrer, tais como: como "reforma tributária", "reforma trabalhista", reflexo da redução da taxa de juros nos últimos meses. Ser empreendedor nos dias atuais requer uma grande carga de conhecimento e sentimentos, que facilitarão e possibilitarão o crescimento da empresa e de todas as pessoas que estão envolvidas, encontrando facilidades para incorporar o processo de mudança a qualquer momento, pois a partir daí o empresário terá resultados para manter suas finanças equilibradas durante o ano inteiro.José Augusto Gomes é formado em Ciências Contábeis e Gestão de Negócios
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.