Café com ADM
#

É dando que se recebe!

Por Sonia Jordão

“Reparta o seu conhecimento. É uma forma de alcançar a imortalidade”. (Dalai Lama)


A vida tem me mostrado que somos premiados com o aumento de nosso conhecimento quando compartilhamos o que sabemos. Um amigo me disse uma vez que colhemos o que plantamos em maior quantidade e na mesma espécie. Então, primeiro procuro ajudar os outros e, com isso, tenho observado que sou ajudada por eles sempre que preciso.

Li um texto muito interessante que dizia: “Se duas pessoas se encontram e cada uma dá a outra um pão, cada uma continuará com um pão, mas se trocarem uma idéia cada pessoa sairá com duas idéias”. Então, percebi que passar minhas idéias só iria me trazer novas, aumentando as minhas e ajudando no meu crescimento pessoal.

Quando coordenei a implantação da ISO 9001 em uma indústria, em Minas, o consultor que nos ajudou na preparação da empresa para a certificação trabalhava, também, para outras duas empresas. Fiquei conhecendo as outras coordenadoras da qualidade e aí fazia o seguinte: sempre que preparava um novo documento enviava para elas. A idéia era ajudá-las a escreverem os seus documentos da qualidade. Elas melhoravam o que eu tinha escrito, faziam as adaptações relativas à suas empresas e me enviavam de volta. Assim, eu via as oportunidades de melhorias para o que já fazia e implementava na empresa onde eu trabalhava. Com isso, os processos da indústria onde eu trabalhava ficavam cada vez melhores, porque recebia idéias de pessoas com visão e experiências diferentes das minhas.

Durante todo o período de implantação da norma, também começamos a trocar auditores da qualidade e com isso, além de nos treinarmos como auditores, as empresas auditadas tinham uma visão de alguém de fora que passava sugestões de melhorias. Conclusão: as três empresas foram certificadas num prazo de nove a onze meses e o sistema de qualidade das três empresas ficou muitas vezes melhor do que se tivesse sido feito sem essa troca de informações. Além de tudo isso, fortes laços de amizade surgiram como fruto dessa época.

Há que se considerar, também, que a vida é cheia de altos e baixos em todos os campos, por isso, nos períodos bons precisamos nos preparar e nos guardar para os períodos ruins. Quando você dá alguma coisa sem ficar pensando no que vai receber em troca, é bem provável que, se em algum momento precisar de algo, alguém irá lhe ajudar, também sem pedir nada de volta.

Além do mais, a grande diferença entre os homens e os animais é que temos a opção de escolha. Precisamos aprender a trabalhar com isso em todos os momentos de nossas vidas. É bom escolhermos a felicidade, o amor, a alegria e a riqueza ao invés da infelicidade, do ódio, das tristezas e da pobreza.

É preciso dar sem esperar o retorno, dar em primeiro lugar, pois assim conseguirá ser mais feliz. Dê nem que seja um sorriso, pois é dando que se recebe!

Sonia Jordão é especialista em liderança, palestrante e consultora organizacional. Autora do livro: “A arte de Liderar – Vivenciando mudanças num mundo globalizado”, e dos romances corporativos: “E agora, Venceslau? - Como deixar de ser um líder explosivo” e "E agora, Lívia? - Desafios da liderança". Sites: www.soniajordao.com.br, www.tecerlideranca.com.br e www.umnovoprofissional.com.br.
ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.